Após intimação, Felipe Neto reafirma críticas e diz que Bolsonaro quer...

Felipe Neto recebeu uma intimação por "crime contra a segurança nacional" após chamar Bolsonaro de 'genocida'. "Minha atribuição do termo 'genocida' ao Presidente se dá pela sua nítida ausência de política de saúde pública no meio da pandemia, o que contribuiu diretamente para milhares de mortes de brasileiros. Uma crítica política não pode ser silenciada jamais!", disse o youtuber.

Paciente de Covid-19 que aguarda vaga na UTI faz vídeo pedindo...

Com 75% dos pulmões já comprometidos devido à Covid-19 e ainda aguardando uma vaga na UTI, o brigadista Fábio Gomes Batista, de 38 anos, vive momentos de desespero. Seu únioco desejo é continuar vivo para cuidar dos filhos.

Cãezinhos fazem a guarda de trabalhador com deficiência que sofre assédio...

O homem já foi alvo de roubos em mais de uma ocasião enquanto realiza seu trabalho. Mas desde que os cãezinhos passaram a fazer a sua guarda à noite, ninguém ousa mexer com ele.

Will Smith diz ter sido insultado devido à cor de sua...

“Olhando nos olhos de uma pessoa preconceituosa, nunca encontrei nada nem remotamente próximo ao intelecto”, acrescentou o ator.

“Ela não pode trabalhar assim”: professora é criticada após postar fotos...

A professora Lulu Menziwa causou uma onda de críticas ao postar uma foto enquanto dava aula. Disseram que ela não obedecia ao código de vestimenta. Outros vieram em sua defesa, afirmando que ela tem o direito de exercer a profissão e que está sendo vítima de discriminação e machismo.

“Meninos dançam com meninas”: mãe corrige filho com síndrome de Down...

A espanhola Samantha Vallejo-Nágera recebeu muitas críticas ao chamar a atenção de seu filho com síndrome de Down depois que ele dançou com um amigo em uma festa. A atitude dela foi vista como homofobia.

Por que hoje o negacionismo fala tão alto quanto a razão?

Nessa semana, falamos sobre o negacionismo. Afinal, se um dia negar a realidade já foi uma escolha de vida, hoje isso se tornou também um ato político. Mas quais seriam as origens e as consequências do negacionismo na sociedade atual?

Meghan Markle revela que Família Real problematizou cor de pele de...

Em entrevista concedida à aparesentadora Oprah Winfrey, a Duquesa de Sussex fez revelações bombásticas sobre a Família Real britânica.

Aluna é tirada da sala por fazer a professora “se sentir...

Embora o vestido não revelasse nada do seu corpo, a aluna foi acusada de roubar a atenção dos meninos na sua sala de aula, então sua professora decidou tirá-la da classe.

Depois de criticar o isolamento social, vereador tenta furar fila de...

O vereador de Maringá, Rafael Roza Camacho, costuma usar as redes sociais para atacar as medidas restritivas de combate à covid-19.

Mãe conta que ensinou às filhas que a virgindade “não existe”...

“Ensinei minhas cinco filhas que a virgindade não existe. É um conceito patriarcal usado para controlar as mulheres e não tem outra utilidade a não ser fazer as mulheres se sentirem mal consigo mesmas.", disse a mãe.

Fuja de extremos. Não seja abraçado por monstros alheios.

- e tem gente que fala alto, agride, bate (coisas tão comuns nos tempos atuais), mas, na verdade, apenas aprenderam a usar dessas “armas” simbólicas e, muitas vezes reais (6 armas por pessoa, né!), para tentar se proteger. Nesses casos, costuma existir um medo devastador, constante e persecutório que mantém a pessoa pronta para atacar e destruir qualquer coisa que se aproxime. São pessoas que veem inimigos por todos lado. Os valentões, na maioria das vezes, sentem muito, muito medo. É tanto medo que acham que precisam destruir quem sentem que os ameaça.

Mãe que mora na rua transforma calçada em um lar para...

Há cerca de três anos, Ana Paula Rodrigues Gama, de 46 anos de idade, vive nas ruas com as duas filhas, Gabriela de oito anos, e Tainá de seis. E mesmo vivendo nas condições mais adversas, ela consegue encontrar resiliência. Com capricho e dedicação, ela fez da calçada um lar para as suas pequenas.

“O mundo está ao contrário e ninguém reparou”

Nesse episódio, discutimos sobre o chamado "Racismo Reverso", tema que deu o que falar nas redes sociais nesta semana. Além disso, trocamos dicas sobre filmes incríveis e influencers no Instagram que espalham arte, bom humor e leveza em dias tão tensos. Se o Titanic está afundando, estamos aqui acompanhando a banda tocar! Que a arte nos salve da vida!