Morreu na noite de ontem (6/11), na cidade de Belo Horizonte, em Minas Gerais, o ex-ator e pastor batista Guilherme de Pádua. Ele tinha 53 anos e foi vítima de um infarto, segundo informações confirmadas em live feita pelo pastor e líder da Igreja Batista da Lagoinha, Márcio Valadão.

Em um vídeo bastante polêmico, o pastor Márcio Valadão, da igreja Batista da Lagoinha, informou a morte de Guilherme de Pádua. Na transmissão, ele fala sorrindo e não demonstra nenhuma tristeza ao falar frases como “morreu agora, agorinha.” O sorriso não desaparece do rosto em nenhum segundo da notícia.

“Quando estava lá embaixo, para subir para fazer a live, chegou a notícia: ele dentro de casa agora, caiu e morreu. Morreu agora, agorinha, agorinha. Agorinha, ele acabou de morrer”, também falou o pastor.

Valadão complementa o vídeo dizendo que Guilherme “é um moço que a sociedade não compreende, porque praticou aquele crime tão terrível da Daniella Perez. Mas ele se converteu”. “Era uma lagarta e virou borboleta.”

Confira o vídeo e nós dê sua opinião.

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.