Pessoas conflitantes: não é pessoal, elas estão em guerra consigo mesmas

Pessoas que nos prejudicam e que violam nossa paz com muita facilidade e, provavelmente, com muita frequência: geralmente não as queremos em nossas vidas

CONTI outra

Pessoas em conflito, pessoas negativas, pessoas tóxicas. Pessoas que nos prejudicam e que violam nossa paz com muita facilidade e, provavelmente, com muita frequência: geralmente não as queremos em nossas vidas, mas é inevitável que as encontremos.

Eles têm uma habilidade especial para o confronto e geralmente parecem procurar uma explosão sem cerimônia entre seus pensamentos, opiniões, emoções e comportamentos. Seu conflito gera um grande desconforto e também interfere em nosso autoconceito.

Provavelmente não é algo pessoal contra nós, é possível que eles estejam lidando com uma grande batalha contra eles mesmos. Como já dizia Gandhi, uma pessoa em guerra consigo mesmo é uma pessoa em guerra com o mundo inteiro.

Talvez a melhor maneira de identificar uma pessoa em conflito seja entender que ela está em guerra consigo mesma e que ela não é um saco sem um fundo do mal.

Para isso, devemos esclarecer:

  • Nossa maneira de catalogar as pessoas será decisiva quando se trata de relacioná-las.
  • Para viver à margem, é importante que não deixemos que isso se transforme em um círculo vicioso de perguntas ruins e piores respostas.
  • Existem pessoas conflitantes, sim, mas basicamente nossa ideia muda se pensarmos que essas pessoas têm problemas que estão gerando guerras emocionais dentro delas
  • Todos nós somos conflitantes em algum momento.

Cada pessoa dá aos outros o que possui dentro de si, seja agradável ou não. Isso não significa que eles são os que nos prejudicam, mas que somos nós que validamos suas opiniões e ações.

Nossa arquitetura interna tem armas para se defender contra ataques e três dos mais poderosos são estes: leve a distância, entenda e saiba ignorar o irrelevante.

Da mesma forma, não é quem nos prejudica, mas quem replica esse mal milhares de vezes. Podemos deixar as palavras serem levadas pelo vento ou, pelo contrário, permanecer em nós. Acho que ninguém terá dúvidas sobre o que mais nos satisfaz.

Tradução feita pela CONTI outra, do original de La Mente es Maravillosa

***

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.