Papagaio desaparece por 4 anos e volta para casa falando espanhol

“Buenos días!”, disse o papagaio “cara de pau” ao reencontrar seu antigo dono depois de ficar quatro anos desaparecido.

REDAÇÃO CONTI outra

Um papagaio cinza-africano chamado Nigel é protagonista de uma das histórias mais malucas e hilárias dos últimos tempos. Ele, que falava em inglês com acento britânico com o seu cuidador, ficou sumido por quatro anos; quando voltou para casa, no entanto, estava falando espanhol.
“Buenos días!”, disse o papagaio ao rever a família.

A incrível aventura de Nigel longe da família teve fim quando alguém o encontrou “saracoteando” por aí e o entregou à veterinária Teresa Micco. O profissional então conseguiu acessar o microchip do papagaio e rastreou seu dono, Darren Chick, da cidade de Torrance, no sul da Califórnia (EUA).

Chic, que é britânico, conta que chorou de alegria ao reencontrar seu amigo. Dias depois, no entanto, ele entregou Nigel à família que cuidou do papagaio pelos quatro anos em que ele esteve desaparecido.

De acordo com o Torrance Daily Breeze, um membro da família enviou um e-mail ao jornal depois de ouvir sobre o retorno de Nigel ao seu antigo dono e disse que ficou com o coração partido depois que o pássaro voou para longe de casa.

Liza Smith disse que seus avós compraram o papagaio que eles chamam de Morgan – depois do rum que exibe um papagaio no rótulo – em uma venda de garagem por US $ 400. Aprendeu espanhol com seu avô nascido na Guatemala.

Liza Smith relatou que seus avós compraram o papagaio, a quem batizaram de Morgan, em uma venda de garagem por US$ 400 (pouco mais de 800 reais atualmente). Ele aprendeu espanhol com o avô dela, que nasceu na Guatemala.

Ao jornal, Smith disse: “Estamos felicíssimos”. Ela ainda contou que o pássaro se tornou um amigo especial para seu avô, especialmente nos últimos dois anos, desde que ele perdeu a esposa, que costumava assoviar para o papagaio.

O papagaio “é uma das últimas lembranças para meu avô”, ela havia escrito em seu email ao Daily Breeze. “A perda de Morgan foi muito dura para ele. Eles têm uma conexão muito especial”.

Além de falar inglês e espanhol, Nigel, ou Morgan, adquiriu outros talentos: Hoje ele sabe as primeiras notas da música tema do filme “Três homens em conflito”, conhece os nomes dos três cães da família e late como eles, e também gosta de imitar o barulho feito pelo caminhão de lixo que passa pela rua todas as manhãs, disse Smith.

Quantas aventuras e nomes diferentes ainda terá o papagaio Nigel/Morgan, hein?! Estamos acompanhando.

***
Imagem de capa: Ruben Hernandez se reencontra com o papagaio Nigel/Morgan em Torrance, na Califórnia (Foto: AP Foto/The Daily Breeze, Robert Casillas)
Redação CONTI. Com informações de G1.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




REDAÇÃO CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.