Mãe cria boneca de cabelo crespo para que as filhas se amem e saibam que são lindas

A história da cabeleireira e apresentadora que criou uma boneca de lindos cabelos crespos para que as filhas se sentissem representadas, se aceitassem e amassem a própria beleza.

REDAÇÃO CONTI outra

Toda vez que Mushiya Tshikuka entrava em uma loja de brinquedos, ela não podia deixar de notar que nenhuma das bonecas refletia a aparência de suas duas filhas.

“Todas as bonecos eram carecas ou tinham cabelos de lã ou tinham cabelos lisos”, disse a cabelereira e estrela de TV . “Elas (as bonecas) simplesmente não se parecem com minhas filhas. Lembro-me de ir a uma das maiores lojas de bonecas, e a boneca negra que estava lá estava representando uma escrava. Eu fiquei pensando: ‘Se esta é a única representação de bonecas que existem por aí, então elas não vão brincar com bonecas’. ”

No entanto, quando suas filhas – Kasai, 7 e Keleshe, 5 – ficaram mais velhas, começaram a pedir bonecas e recebê-las como presentes.

“As pessoas compravam as bonecas e eu as jogava fora ou as devolvia porque eu entendia a psicologia por trás dos brinquedos que as crianças brincam – elas querem se parecer com as bonecas, e minhas filhas são negras com cabelos crespos, disse Mushiya. “Eu não queria que elas dissessem: ‘Eu quero ser uma garota branca com cabelos lisos’.”

Então, com a ajuda de suas filhas e de seu filho mais velho, Mushiya teve a ideia de criar a própria boneca e a pôs em prática.

“Estávamos em uma loja certa vez e minhas filhinhas e meu filho disseram: ‘Por que nós simplesmente não fazemos uma boneca?’ Então nós fizemos ”, disse Mushiya. “Eu fiz muita pesquisa e trabalhei nisso por muito tempo. Eu fiquei extremamente empolgada por meus filhos terem tido uma ideia para resolver este problema.”

Sobre o design, Mushiya quis garantir que as características da boneca refletissem as de seus filhos.

 


“Eu queria que a boneca se parecesse com uma garotinha linda e negra”, disse ela.

“Eu queria ter certeza de que sua pele estava escura. Em nossa comunidade há muitas meninas de pele escura com problemas de autoconfiança, simplesmente porque a pele escura é mal vista. Eu queria que ela tivesse cabelos crespos como os das minhas filhas. Eu queria ter certeza de que ela tinha um nariz que refletisse nosso nariz, maçãs do rosto altas e lábios carnudos. ”

“É importante que esta boneca exista porque é importante que as bonecas representem o espectro completo das pessoas e a beleza que existe em nossa sociedade”, diz Mushiya. “É importante que toda criança possa ver uma representação e um reflexo de si mesma nas bonecas com que brincam.”

Além de ser uma boneca com a qual garotas negras podem se relacionar, Mushiya espera que possa ser uma ferramenta de aprendizado para as crianças não negras..

“Minhas filhas são meninas negras que fizeram uma boneca que se parece com elas, mas essa boneca não é só para meninas negras”, diz ela. “Garotas negras brincam com bonecas brancas há anos, e elas entendem o cabelo branco e a pele branca, e é importante para as meninas brancas entenderem a garota negra, a pele negra, o cabelo preto. É importante para todos. ”

Até agora, sua boneca foi extremamente bem recebida por pessoas de todas as origens.

“Minha maior surpresa é que não são apenas as mulheres negras que compram essas bonecas para seus filhos”, diz Tshikuka. “Eu vejo muitas mulheres caucasianas comprando essas bonecas, pessoas em todos os países. Percebemos que muitas famílias tiveram o mesmo problema ”.

E suas duas filhas finalmente têm uma boneca para brincar, que tem suas características.

“Elas são obcecadas!” Diz Tshikuka. “Elas vão em todos os lugares com a boneca.”

***

Redação CONTI outra. Com informações de Yahoo

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




REDAÇÃO CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.