Estimulação cerebral durante a noite melhora a memória

Novas descobertas fornecem um método não invasivo para melhorar a consolidação da memória sem perturbar o sono.

Novas pesquisas em humanos demonstram o potencial de melhorar a memória com uma técnica não invasiva de estimulação cerebral durante o sono. Os resultados, publicados em JNeurosci, vêm de um projeto financiado pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos que visa entender melhor o processo de consolidação da memória, o que poderia se traduzir em melhor função de memória em populações saudáveis ​​e pacientes.

Acredita-se que a transferência de memórias do hipocampo para o neocórtex para armazenamento a longo prazo seja possibilitada pela sincronização dessas partes do cérebro durante o sono. Nicholas Ketz, Praveen Pilly e colegas da Universidade do Novo México procuraram melhorar esse processo natural de reativação noturna ou repetição neural, para melhorar a memória com um sistema transcraniano de estimulação de corrente alternada de ciclo fechado, correspondente à fase e à frequência das oscilações contínuas de ondas lentas durante o sono.

Os participantes foram treinados e testados em uma tarefa de discriminação visual realista, na qual eles tinham que detectar objetos ocultos potencialmente ameaçadores e pessoas, como dispositivos explosivos e atiradores inimigos. Os pesquisadores descobriram que, quando os participantes receberam estimulação durante visitas noturnas em seu laboratório de sono, eles mostraram melhor desempenho na detecção de alvos em situações semelhantes, mas novas, no dia seguinte, em comparação com quando não receberam a estimulação, sugerindo uma integração da experiência recente em uma memória mais robusta e geral.

As alterações de memória durante a noite se correlacionaram com alterações neurais induzidas por estimulação, que poderiam ser usadas para otimizar a estimulação em aplicações futuras.

Essas descobertas fornecem um método para melhorar a consolidação da memória sem perturbar o sono.

***

Fonte:

Materiais fornecidos pela Society for Neuroscience.

Tradução CONTI outra. Do original: Overnight brain stimulation improves memory

***

Referência do Jornal:

  1. Nicholas Ketz, Aaron Jones, Natalie Bryant, Vincent P. Clark, Praveen K. Pilly. O TACS de ondas lentas de circuito fechado melhora a generalização da memória de longa duração dependente do sono, modulando as oscilações endógenasThe Journal of Neuroscience, 2018; 0273-18 DOI: 10.1523/JNEUROSCI.0273-18.2018

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.