É possível ‘ensinar’ seu corpo a acordar cedo, segundo cientistas; saiba como!

Se você está lendo este texto, provavelmente é mais um entre os muitos que, por conta do trabalho, dos estudos, ou por qualquer outro motivo, precisam acordar muito cedo todos os dias e, invariavelmente, sofrem com isso.

REDAÇÃO CONTI outra

Se você está lendo este texto, provavelmente é mais um entre os muitos que, por conta do trabalho, dos estudos, ou por qualquer outro motivo, precisam acordar muito cedo todos os dias e, invariavelmente, sofrem com isso. A boa notícia é que um grupo de cientistas na Austrália e no Reino Unido resolveu identificar práticas que podem te ajudar a ajustar o relógio biológico e melhorar o bem-estar. Eles concluíram que mudanças simples de hábito já podem ser de grande ajuda.

Para o estudo, os pesquisadores se concentraram nos chamados “corujões”, que são aqueles indivíduos que têm uma predisposição natural a ficar acordados até tarde da noite – se identificou?

Os participantes foram orientados pelos cientistas a adotar algumas técnicas simples, que você também pode aderir. Confira:

● Acorde 2 a 3 horas mais cedo que o habitual e pegue sol ao ar livre pela manhã.
● Tome café da manhã assim que possível.
● Pratique exercício físico apenas pela manhã.
● Almoce na mesma hora todos os dias e não coma nada depois das 19h.
● Corte a cafeína depois das 15h.
● Não tire cochilos depois das 16h.
● Vá para a cama 2 a 3 horas mais cedo que o habitual e reduza a iluminação à noite.
● Mantenha os mesmos horários de sono e vigília todos os dias.

Após três semanas de adesão às práticas sugeridas pelos cientistas, os participantes adiantaram com sucesso seus relógios biológicos em duas horas, conforme revelam as análises feitas pelas universidades de Birmingham e Surrey, no Reino Unido, e a Universidade Monash, na Austrália.

Os resultados, publicados na revista científica “Sleep Medicine”, mostraram que as pessoas ainda conseguiam dormir as mesmas horas de sono. Mas relataram níveis mais baixos de sonolência, estresse e depressão, enquanto os testes indicam que seus tempos de reação também melhoraram.

Pesquisas recentes mostram que ser notívago está associado à diminuição de expectativa de vida, assim como ao risco de desenvolver doenças físicas ou mentais. Ou seja, o sono é importantíssimo para o nosso bem estar. Então, se você tem problemas para adaptar seu relógio biológico ao horário comercial, de 9h às 17h, vale testar estas práticas simples que, segundos os cientistas, podem parecer óbvias, mas podem fazer uma grande diferença na sua vida.

***

Redação CONTI outra. Com informações de G1

Photo by bruce mars from Pexels

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




REDAÇÃO CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.