Conversar consigo mesmo pode ser um sinal de inteligência superior, de acordo com estudos científicos

De acordo com algumas pesquisas científicas, conversar consigo mesmo pode ser um sinal de inteligência superior e maior QI que a média.

Você já falou sozinho? Você se pega fazendo perguntas e até se dando conselhos? Você tem medo de ser rotulado como uma aberração?

Bem, não se preocupe. De acordo com algumas pesquisas científicas, conversar consigo mesmo pode ser um sinal de inteligência superior e maior QI que a média.

Uma pesquisa científica mostrou que as pessoas que tendem a falar consigo mesmas têm, na verdade, um QI maior do que as que não falam sozinhas.

Segundo Einstein.org, Einstein “costumava repetir suas frases para si mesmo com suavidade”. Continue lendo para descobrir as 5 razões que falar consigo mesmo é um ato de inteligência.

5 benefícios da autoconversa, de acordo com a ciência:

1. Seu cérebro funciona melhor.

De acordo com um estudo publicado no Jornal Trimestral de Psicologia Experimental, Daniel Swigley e Gary Lupyan, renomados psicólogos, descobriram que conversar consigo mesmo é realmente saudável.

Um experimento interessante foi conduzido, onde cerca de 20 pessoas receberam o nome de uma coisa; uma batata, uma maçã ou um queijo, e foi pedido para encontrarem o item no supermercado.

No primeiro caso, eles tiveram que fazê-lo silenciosamente, enquanto no segundo caso eles foram autorizados a falar e dizer o nome do objeto atribuído.

Na segunda vez, eles completaram a tarefa com muito mais eficiência, porque falar em voz alta ajudou o ouvido a ouvir o item e tornou mais fácil para o cérebro retê-lo.

Então, da próxima vez que você quiser se lembrar de algo melhor e mais rápido, repita em voz alta.

2. Dá maior clareza mental.

Gary Lupyan, um psicólogo cognitivo popular da Wisconsin Madison University, diz:

“Falar consigo mesmo não é sempre útil, se você não souber realmente como é um objeto, dizer o nome dele pode não ter efeito ou até mesmo te atrasar. Se, por outro lado, você souber que as bananas são amarelas e têm uma forma particular, ao dizer banana, você está ativando essas propriedades visuais no cérebro para ajudá-lo a encontrá-las”.

Assim, apenas pensar sobre o que você está procurando não é suficiente, porém, quando você diz o nome, visualiza automaticamente e dá uma forma para o objeto.

Isso torna mais fácil para a sua mente ter em perspectiva o que você está realmente procurando, e lhe dá clareza para pensar de uma forma muito realista e realizável.

Ao pensar em voz alta, você está ajudando sua mente a visualizar seus pensamentos e a pensar sobre eles de maneira muito mais clara.

3. Ajuda você a aprender melhor e mais rápido.

De acordo com a Live Science, “o discurso autodirecionado pode ajudar a orientar o comportamento das crianças, com as crianças muitas vezes fazendo o passo a passo em tarefas como amarrar os cadarços, como se lembrassem de se concentrar no trabalho”.

Tente lembrar da primeira vez que você jogou um jogo de tabuleiro. Você deve ter ficado confuso, já que é um novo processo, e então, enquanto você dizia os passos em voz alta enquanto jogava, passou a entender melhor a situação.

Esta é a razão pela qual você se lembrou da vez seguinte que jogou.

É exatamente assim que falar consigo mesmo ajuda você a aprender melhor, sua mente reexamina o que você aprendeu e ensina a si mesma.

Este processo de aprendizagem, avaliação e ensino cria uma compreensão muito melhor sobre o assunto que você aprendeu.

4. Organiza a conversa caótica em sua mente.

A psicóloga Linda Sapadin diz que, quando pensamos, pesamos silenciosamente as possibilidades. Isso é importante. Você deve falar consigo mesmo porque consegue priorizar o que quer.

Quando está preso em uma encruzilhada, você tem que escolher apenas um caminho e falar em voz alta vai torná-lo mais ordenado.

Você aprenderá a gerenciar melhor a sobrecarga de responsabilidade de muitas opções.
Ao conversar consigo mesmo, está dando ordem aos seus pensamentos e, ao dar ordem, você consegue ver e comparar melhor as diferentes escolhas.

Isso lhe dá uma escolha mais rápida e melhor, exigindo muito menos energia do que enfrentar muitas opções diferentes silenciosamente.

5. Motiva você a conseguir o que deseja.

Todos nós temos certas coisas que sonhamos alcançar. Apenas ter uma ideia não fará seus sonhos realidade. Você precisa agir e, às vezes, agir é difícil. Você não tem inspiração, motivação e vontade. Todos nós temos momentos de fraqueza.

Em tais casos, ter um mentor ou alguém para incentivá-lo pode fazer a diferença entre alcançar seus objetivos e desistir. Mas como nem todos nós temos alguém para nos incentivar nesses momentos, falar consigo mesmo é a melhor coisa.

Conversar consigo mesmo, dar conselhos e motivar a si mesmo pode lhe dar impulso suficiente para dar aquele passo extra quando não tiver motivação e vontade.

E quem te conhece melhor do que você, quem conhece seus gatilhos e botões, quem conhece o fogo de suas emoções? Ninguém. Você se conhece melhor do que ninguém!
É por isso que você precisa se motivar. E ao fazer isso em voz alta, está enganando sua mente a pensar que alguém está te empurrando para frente. Dessa forma, você ficará motivado e perderá menos tempo. Você vai se concentrar nas coisas que importam e não nas pequenas coisas.

Então, se você fala consigo mesmo, não se preocupe. Ande no caminho do sucesso de Einstein e logo você alcançará seus objetivos. Continue falando!

***

Tradução CONTI outra. Do original Talking To Yourself Can Be A Sign Of High Intelligence According To Couple Scientific Studies

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.