“A maldição da Residência Hill” retornará à Netflix com reviravolta inesperada!

Ainda estamos aguardando que o Netflix confirme oficialmente o retorno da segunda parte de "A Maldição da Residência Hill", mas o ator Henry Thomas , que interpreta Hugh Crain quando jovem, o pai, já deu sinal verde. Ele admitiu que já está agendado para a nova temporada e que Mike Flanagan, diretor da série, já pensa no futuro.

O ator Henry Thomas (Hugh Crain) confirmou isso.

Ainda estamos aguardando que o Netflix confirme oficialmente o retorno da segunda parte de “A Maldição da Residência Hill”, mas o ator Henry Thomas , que interpreta Hugh Crain quando jovem, o pai, já deu sinal verde. Ele admitiu que já está agendado para a nova temporada e que Mike Flanagan, diretor da série, já pensa no futuro.

No entanto, se você está pensando que será uma continuação da história da família Crain e da mansão assombrada, então você está muito errado. Em entrevista ao Tvline, Flangan admitiu que não há pontas soltas e, portanto, não há necessidade de trazer de volta a mesma história da primeira temporada, baseada no romance da autora Shirley Jackson.

“Eu não acredito (que nenhum personagem apareça). Acho que amarramos todas as pontas soltas exatamente como deveríamos . Eu realmente não vejo a necessidade de rever os personagens, mesmo em aparições”, disse Flanagan. “Eu quero lembrar deles quando os deixamos e deixá-los viver suas vidas”, acrescentou.

Atualmente, Flnagan está trabalhando em uma sequência de “The Shining” e revelou que as negociações para uma próxima temporada com a Netflix devem começar em janeiro de 2019.

Por sua parte, Thomas revelou em um vídeo que haverá uma segunda temporada, mas ele não sabe o que vai ser tratado, ele só garante que ele estará no elenco.
Da mesma forma, a dúvida permanece, porque se Flanagan revelou categoricamente que a segunda temporada não será sobre Crain, mas Thomas admite que ele já está no elenco, isso significa que ele assumirá um personagem completamente diferente?

A série é baseada no romance e apenas um, portanto, continua-lo teria que ser apenas imaginação dos escritores ou, começar uma história completamente nova, sem dar-lhe a respeito do primeiro, bem como o estilo da série ” American Horror Story” e “Black Mirror”. O que é muito claro, terá que ser na tônica do medo e do suspense, caso contrário não seria coerente.

Mas seja o que for, certamente será muito bem sucedido, porque há um grande público que foi cativado com “The Curse of Hill House”. A série é listada como uma das mais espetaculares da temporada da Netflix e não podemos esquecer que Stephen King descreveu como “perto de uma obra-prima”.

***

Tradução feita pela CONTI outra, do original de UPSOCL

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.