7 sinais de que você está pecando por excesso de generosidade

A generosidade em excesso é prejudicial tanto para quem a faz quanto para quem a recebe. Saiba mais.

Ser generoso é uma das características mais maravilhosas que uma pessoa pode ter, mas, às vezes, a generosidade pode ser cansativa, principalmente se ela está destinada àqueles que não a merecem.

Quando você realmente se importa com a felicidade dos outros, é fácil perder de vista sua própria felicidade. Então acontece algo que é conhecido que é o doar-se demais. Você pode ter boas intenções, mas se não for cuidadoso, acabará se perdendo sendo excessivamente  generoso para os outros.

Aqui estão alguns sinais claros que podem revelar que estamos dando muito, ora porque isso nos prejudica, ora porque prejudica quem queremos ajudar ou até mesmo porque podemos estar sendo vítimas de manipulação de pessoas que se aproveitam de nossas boas intenções.

1. Você se sente como se estivesse sendo manipulado

Se você suspeitar que está sendo manipulado, provavelmente você está. Alguém que está manipulando você pode dizer coisas para ativar sua culpa, a fim de obter o que deseja.

2. Sua ajuda é insustentável

Se o seu “dar e dar” chegou ao ponto em que você não tem mais recursos suficientes para você, há um problema sério. Se a sua própria saúde física ou mental, auto-estima ou bem-estar financeiro estão sofrendo e estão sendo afetados, você está dando demais e deve parar antes que seja tarde.

3. Seus relacionamentos são afetados

Embora a generosidade saudável possa permitir que os relacionamentos prosperem, doar demais é uma das causas da deterioração dos relacionamentos. Quando não há equilíbrio entre dar e receber, um ou ambos podem ter sentimentos de ressentimento, culpa ou arrependimento que podem causar conflitos e danos no relacionamento.

4. Você está mantendo totalmente alguém

Se a sua atitude de dar chegou ao ponto de permitir que alguém “viva nas suas costas”, como é popularmente dito, é hora de dar um passo para trás. Permitir que alguém permaneça fisicamente insalubre, irresponsável ou totalmente dependente de você não fará bem a ninguém a longo prazo.

5. Esteja ciente de que você está sendo usado

Alguém que usa sua gentileza e generosidade para seu benefício pessoal não é alguém que devo permanecer em sua vida.

6. A sua oferta única tornou-se uma obrigação a longo prazo

Ser generoso uma vez pode levar a um círculo vicioso para aqueles que querem abusar de sua gentileza. Se a sua oferta útil de uma só vez se tornou uma obrigação de longo prazo, e você não tinha a intenção de mantê-la, lembre-se de que você não se comprometeu com nada a longo prazo e que tem todo o direito de parar quando quiser.

7. Você sempre sacrifica alguma coisa

Se você está constantemente sacrificando sua própria felicidade para os outros serem felizes, você está dando demais. Cuidar de outras pessoas é algo maravilhoso. Mas cuidar de si mesmo é tão importante quanto isso, até mesmo o principal.

Se você tem conhecimento de que alguns desses pontos descritos se encaixam na sua vida, é hora de avaliar o que o leva a querer dar mais do que você deseja dar.

***

Tradução da adaptada CONTI outra. Do original:  Señales de que estás dando demasiado

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.