Prepare-se para explodir de ternura e tristeza ao mesmo tempo. Não, não é nada terrível, pelo contrário, mas a situação deste cachorrinho chamado Boomer é realmente emocionante.

Acontece que Boomer foi resgatado junto com três outros cães de rua. Todos moravam na periferia de um banco em Houston (Texas, EUA) e geralmente eram alvo de graves maus-tratos por parte dos transeuntes do setor. Quando o resgataram, viram que ele tinha um fêmur quebrado e uma bala alojada em suas costelas.

“Pegamos dois deles um dia e tivemos que voltar no dia seguinte para pegar Boomer. Ele era muito medroso para se aproximar de nós. Os vizinhos da área adoram mirar nos cães ou até mesmo atirar neles por entrarem no lixo.”, conta a resgatadora Samantha Zimmer, do Centro de Resgate de Animais do Lucky Day.

Samantha levou Boomer para casa em fevereiro e o instalou em sua garagem por duas semanas para acostumá-lo à vida doméstica. Após este período, ela começou a trazê-lo para casa com a ajuda de seu namorado George, e assim construir sua confiança em relação aos humanos.

Mas um dia desses, Boomer apareceu na porta e mostrou que queria entrar na casa. Samantha começou a filmar porque queria ver se ele era capaz de fazer isso sozinho, mas a cena acabou sendo comovente.

Samantha Zimmer

Como Boomer passou seus 2 anos de vida ao ar livre e morando nas ruas, ele inicialmente ficou com muito medo de entrar em sua nova casa, mesmo com Samantha demonstrando receptividade e carinho, dizendo que tudo ficaria bem. Ele ficou tanto confuso com a ideia se que poderia ser bem-vindo ao interior da casa. Ele “tocava” o piso de dentro, como se estivesse testando o novo ambiente.

Samantha Zimmer

A família de Samantha se juntou à missão e sempre o chama para entrar na casa, Boomer é incentivado. Ele mal dá alguns passos no chão de madeira e, inseguro, sai para o quintal novamente.

Segundo Samantha Zimmer, o cachorrinho está ganhando cada vez mais confiança e com o tempo e será levado para um centro especial de resgate, a fim de se preparar para sua adoção final.

Samantha Zimmer

Esperançosamente, quando Boomer tiver seu lar definitivo, sua confiança e relacionamento com os humanos serão mais trabalhados. Nenhum animal deve ter medo de entrar no calor de uma casa.

Com informações de UPSOCL

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







Ana, 20 anos, estudante de Artes Visuais na UNESP de Bauru. Trago aqui matérias que são boas de se ler.