A personal trainer Paula Paiva Ferreira, de 25 anos, testemunhou uma cena horrível depois de ter encostado acidentalmente seu carro no veículo de um homem, em um posto de gasolina de Taguatinga, neste domingo (24).

O homem, identificado como o empresário Ênio César de Barcelos, de 40 anos, passou a perseguir a moça e quando ela parou no semáforo, depredou o automóvel da mulher,  pulando no para-brisa. Com comportamento extremamente violento, o homem ainda agrediu física e verbalmente a mulher.

O momento foi registrado em vídeo pelas pessoas que estavam no local. Na primeira filmagem, Ênio pula em cima do veículo e chuta com os dois pés o para-brisa, até quebrar o vidro. Já em outra gravação, é possível ver o agressor puxando o braço da vítima, enquanto a família dela grita por socorro.

Paula relatou que o criminoso também a hostilizou verbalmente, com termos como “noiada” e “preta safada”. O braço e a mão dela ficaram machucados.

“Estou até agora sem acreditar, devastada. Fisicamente, está tudo certo, mas psicologicamente, não muito”, afirmou Paula. “Uma violência na frente da minha família; estou me sentindo muito abalada com isso”, complementou.

Tudo começou quando Paula estava calibrando seu pneu no posto de gasolina e precisou dar ré, sem perceber que o carro do agressor estava atrás. “Rapidamente freei, nem teve barulho de colisão nem nada, nem vi que tinha batido”, conta a jovem.

Ainda no posto, o homem começou a gritar que ela tinha batido no carro dele. A mulher conta que deu o número de telefone ao empresário, garantindo que arcaria com o prejuízo, mas, ainda assim, depois de sair do local, ele iniciou a perseguição.

A mulher registrou boletim de ocorrência na 12ª Delegacia de Polícia (Taguatinga). O agressor chegou a ser detido, mas foi liberado após pagamento de fiança.

 

Com informações de Pragmatismo Político 

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.