“Uma tragédia absoluta”: mais de 300 coalas estão morrendo nos incêndios florestais da Austrália

"(...) devido à intensidade do fogo e à forma como os coalas se comportam durante o incêndio, não temos muita esperança", disse Sue Ashton, presidente do Hospital Port Macquarie Koala.

Ana Carolina Conti Cenciani

Centenas de coalas perderam suas vidas nos atuais incêndios florestais que estão ocorrendo em seu habitat principal, a costa leste da Austrália.

A presidente do Hospital Port Macquarie Koala, Sue Ashton, disse esperar que os voluntários criadores de animais selvagens comecem a procurar sobreviventes na área do incêndio que se iniciou na quinta-feira (07/11), segundo a revista Time.

O incêndio começou com um raio em uma floresta no estado de Nova Gales do Sul, a 300 quilômetros ao norte de Sydney, e desde então dois mil hectares foram queimados. Dois terços dessa área eram habitats de coalas, disse Ashton.

Em conversa com o The Guardian, Sue Ashton disse que “a floresta ainda está queimando e os voluntários não poderão acessá-la até sábado. A partir de nossa análise de dados e, com base em uma taxa de mortalidade de 60%, provavelmente perderemos cerca de 350 coalas. É uma tragédia absoluta.”

“Esperamos que não seja tão ruim assim, mas por causa da intensidade do fogo e de como os coalas se comportam durante um incêndio, não têm muita esperança”, acrescentou.

Os coalas escalam árvores durante incêndios florestais e sobrevivem se a frente de incêndio passar rapidamente sob eles.

O coala já está listado como uma espécie em risco de extinção, sendo ameaçada pela urbanização e destruição de seu habitat, os incêndios foram um grande golpe.

“É uma tragédia nacional porque é uma população de coalas geneticamente diversa, eles são muito mais adaptáveis à mudança e suas linhagens são muito boas e fortes, por isso são excelentes candidatos à pesquisa e reprodução”, disse Ashton.

Os cuidadores de animais do Hospital de Coalas estão tratando de alguns coalas resgatados, enfaixando suas feridas e alimentando-os com folhas de eucalipto e fórmula. Eles estimam que ao menos 10 dias são necessários para se avaliar todos os danos à população de coalas.

Com informações de UPSOCL

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS