Teste com remédio antiparasitas eliminou coronavírus em 48 horas

Estamos na torcida! Links para pesquisa original no texto.

CONTI outra

O medicamento antiparasitas, Ivermectin, comumente indicado para o tratamento de verminoses, foi utilizado em um estudo australiano realizado pela Monash University , em parceria com o Doherty Institute of Infection and Immunity, e foi publicado na revista Antiviral Research, da Elsevier, no último dia 3.

Segundo os resultados obtidos, ele foi eficiente na inibição da propagação do coronavírus Sars-CoV-2 em ambiente controlado e, em 48 horas, foi capaz de eliminar os vírus presentes na cultura de células estudada.

A boa notícia é que, se for comprovada a eficácia, o Ivermectin já está disponível no mercado mundial. Inclusive ele já se mostrou eficiente contra outros vírus, como HIV, Dengue, Influenza e Zika vírus.

“Nós descobrimos que mesmo uma dose única pode essencialmente remover todo o RNA viral em 48 horas e que mesmo em 24 horas há uma redução significativa”, disse a pesquisadora, Kylie Wagstaff, chefe da pesquisa.

Entretanto, como bem observado na matéria da Revista Exame, é consenso entre todos os cientistas que, apesar do potencial de efetividade do medicamento observado em laboratório, ele ainda não pode ser usado com segurança em seres humanos infectados com o novo coronavírus, muito menos em casos de automedicação.

Os testes continuarão e, em breve, serão executados em humanos. Estamos na torcida!

***
Com informações de Exame

Acesse a publicação da pesquisa em: https://www.sciencedirect.com/

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.