Tanta gente chata pra cortar da vida e você aí cortando carboidratos!

A gente vive procurando a quem culpar. Elegemos vilões, os condenamos, excomungamos e extirpamos, certos de que "dessa vez vai dar certo!". Quanta bobagem!

A gente vive procurando a quem culpar. Elegemos vilões, os condenamos, excomungamos e extirpamos, certos de que “dessa vez vai dar certo!”. Quanta bobagem!

Os ovos já foram grandes vilões. Os causadores da epidemia do colesterol descontrolado no mundo ocidental. Cortem fora os ovos! Fazem mal!

E eu ficava cismando com o fato de ter passado a infância consumindo ovos quentes no café da manhã, todo santo dia! Seria eu um milagre da Medicina? Teria eu algum tipo de antídoto orgânico contra os diabólicos ovos?

Pois agora esse produto galináceo virou o rei do cardápio. Bombados e bombadas, marombados e marombadas rendem graças aos ovos! Ovos quentes, ovos cozidos, ovo mexidos e até fritos reinam nos cafés da manhã, almoços e jantares fits e lowcarbs! Sucesso absoluto!

O café, então, pobrezinho… oscila entre fazer maravilhas aos neurônios e destrambelhar o sistema cardiovascular!

E o que dizer do chocolate… com seus flavonoides milagrosos e açúcares demoníacos. O chocolate sofre de transtorno bipolar clássico!

Agora, proliferam pelas metrópoles super desdeseenvolvidas e esclarecidas, restaurantes hipsters, chiquetérrimos que garantem servir “real food” à sua seleta clientela! O que seria “comida de verdade”? E o que não é servido ali? É comida de mentira?

O vilão da vez é sem dúvida, líder isolado nos rankings da mídia, o maléfico e endiabrado carboidrato! Tudo é culpa do carboidrato! Você tem olheiras? Culpa do carboidrato! Você solta muitos puns? Culpa do carboidrato! Dorme mal? Carboidrato! Azar no amor? Adivinha de quem é a culpa!…

Bem, meus amores… mas a julgar pelo tempo já estendido dos pãezinhos, bolos, massas e biscoitos… me arrisco a inferir que seu reinado esteja com os dias contados.

Portanto, muito cuidado… essa aparentemente inocente acelga no seu prato pode muito bem ser a próxima bruxa a ir para a fogueira. Nunca se sabe…

Agora… vai aí um conselho… Gente chata faz mal à saúde desde o Antigo Egito! Isso sim, entope as veias, os pulmões e a vida de lixo tóxico!

Portanto… livre-se dos chatos e vá ser feliz com a próxima baguete ou o próximo espaguete que sorrir pra você! E viva a liberdade!!!!

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Ana Macarini
"Ana Macarini é Psicopedagoga e Mestre em Disfunções de Leitura e Escrita. Acredita que todas as palavras têm vida e, exatamente por isso, possuem a capacidade mágica de serem ressignificadas a partir dos olhos de quem as lê!"