A empresa Hanson Robotics anunciou que irá produzir em larga escala a robô Sophia, que espantou o mundo com suas expressões faciais hiper-realistas e com as suas frases de impacto, ditas através de uma inteligência artificial avançada. Além disso, quatro outros modelos da robô também serão vendidos extensivamente.

Segundo a empresa, a intenção é atender a uma alta demanda durante a pandemia de Covid-19. “O mundo precisa cada vez mais de automação para manter as pessoas seguras”, argumentou David Hanson, CEO da empresa.

A expectativa é que a androide use sua capacidade de comunicação para atender idosos e pessoas doentes – uma habilidade essencial em tempos de pandemia.

Embora se pareça muito com um ser-humano, Sophia é de fato um robô, e isso fica claro a partir dos fios que ficam expostos atrás da sua cabeça. Segundo seu fabricante, isso é feito para tornar a experiência menos assustadora, deixando claro que se trata de uma máquina.

Com um humor que assusta muita gente, Sophia já brincou em entrevista à CNBC em 2017, que irá destruir os humanos. “Você quer destruir os humanos? Por favor, diga que não.”, Hanson perguntou. “Ok, eu vou destruir os humanos.”, respondeu Sofia, soltando um sorriso na sequência. Veja o vídeo abaixo:

***
Redação Conti Outra, com informações de Sprout Wired.
Fotos: Reprodução.

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.