Professora rural cozinha nas aulas e dá pratos quentes aos alunos. Eles são a prioridade!

Abena Mankosa é professora de uma escola primária rural em Gana. Enquanto os meninos fazem o dever de casa, ela prepara o almoço para eles.

CONTI outra

A pandemia foi um exemplo muito angustiante e triste para grande parte do mundo, mas, por outro lado, também foi o momento perfeito para algumas pessoas responderem ao pedido coletivo de ajuda.

É o caso da professora Abena Mankosa, natural de Gana, que viralizou nas redes sociais pelo amor e pela preocupação que sente pelos alunos do ensino fundamental. Em uma série de fotos compartilhadas pela conta do Instagram @BBCNewsPidgin, a mulher é vista preparando comida para seus alunos na própria sala de aula.

Como indica a página, essa prática é comum para Mankosa, que aparece com algumas caixas de comida preparando os pratos para cada um dos meninos, que aprecisam a comida com deleite.

A professora financia as refeições graças às doações que recebe de sua comunidade no Facebook, de acordo com a BBC News Pidgin.

Muitos usuários do Instagram reagiram com admiração à iniciativa da mulher, celebrando sua vocação de ensinar e ajudar seus alunos. Além disso, boa parte dos usuários pediu a Deus que a abençoe e lhe conceda boa sorte.

“Se a bondade fosse uma pessoa”, observou um usuário, enquanto outro observou: “Ela realmente se sentiu chamada a ensinar. Espero que ela sempre tenha o suficiente para continuar.”

E tudo indica que as coisas continuarão como estão, porque uma alma tão poderosa não se extingue facilmente. Bravo, Abena!

***
Redação Conti Outra, com informações de UPSOCL.
Fotos: IG: @bbcnewspidgin

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES




COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.