“Olhos que condenam” tornou-se a série mais assistida da Netflix. Uma história real que precisava ser contada

A comentada série da Netflix expõe o classismo, o racismo e a injustiça a que os jovens que pagaram por um crime que não cometeram foram submetidos.

CONTI outra

Nós todos amamos uma boa série, seja real ou não, gastar um pouco de tempo colado à TV a partir do conforto da nossa casa sempre parece um bom plano. É como o novo passatempo milenar, mais e mais pessoas estão deixando seu fim de semana de “ir ao cinema ou noitadas” e mudando-o para uma noite tranquila em casa.

E a verdade é que eu amo isso, plataformas como Amazon Prime, HBO Go, Hulu e, claro, a Netflix pioneira que continua a trazer novas propostas que rapidamente se tornam sucessos colaboraram. Em 31 de maio, eles lançaram uma série chamada “When They See Us”, ou “Olhos que condenam”, como eles decidiram nomeá-la em nossa língua.

NETFLIX GIF - Find & Share on GIPHY

Se você ainda não viu, é uma história verdadeira que aconteceu nos Estados Unidos em 1989, onde quatro jovens afro-americanos e um latino foram condenados por um crime que não cometeram, o estupro de uma mulher branca que treinou no Central Park (Nova York).

A produção que conta com atores de alto nível como Michael K. Williams, Vera Farmiga, John Leguizamo e Felicity Huffman foi tão bem recebida pelo público que se tornou a série mais assistida nos Estados Unidos desde sua estreia em 31 de maio. Isso é confirmado pela plataforma de streaming em sua conta oficial no Twitter:

“Olhos que condenam”, tornou-se a série da Netflix mais vista nos Estados Unidos desde sua estréia em 31 de maio”, disse @netflix no twitter.

Na IMDb, tem um 9.1 / 10 mais respeitável e é em grande parte devido às emoções que transmite: tristeza, impotência, frustração, você se sente dentro da história que 30 anos depois do que aconteceu, os fãs da série criaram uma campanha contra a promotora culpada do erro.

Deixamos o trailer no caso de você se atrever a tentar, eu vi e recomendo para você com os olhos fechados:

Fonte indicada: UPSOCL
Imagem de capa meramente ilustrativa

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.