O que você construiu durante a quarentena?

Aí vem uma pandemia de proporções mundiais e nos obriga a ficar em casa e ter mais tempo para tudo isso. O que você fez com este tempo?

Kássia Luana

Passamos a vida reclamando da falta de tempo: para ficar mais com a família, estudar, descansar, aprender coisas novas…

Aí vem uma pandemia de proporções mundiais e nos obriga a ficar em casa e ter mais tempo para tudo isso. O que você fez com este tempo?

Noticiários repletos de tragédias, vizinhos e amigos com nervos à flor da pele, a sensação de reclusão obrigatória, desemprego…

Em compensação, artistas de todos os gêneros musicais começaram a fazer shows gratuitos nas redes sociais; professores dando cursos gratuitos e palestras super interessantes, de finanças a filosofia; peças de teatro, cursos de desenvolvimento pessoal, meditação, autoconhecimento…

O surgimento de diversos movimentos, religiosos ou não, para ajudar o próximo.

Como você usou seu tempo nas redes sociais neste período? E fora delas?

Eu, particularmente, melhorei minha aptidão na cozinha, finalizei alguns projetos (a exemplo do meu livro recém lançado “O diário da Ana“, inspirado nesta situação).

Fiz vários cursos, dentre eles, cosmética natural e filosofia.

Melhorei meu desenvolvimento no trabalho aprendendo sobre novas e melhores formas de realizá-los.

Criei uma rotina para aproveitar melhor o tempo pra mim.

Li alguns livros que me ajudaram a crescer.

Encontrei novas formas de renda extra, como delivery de comida, por exemplo, e uma agência de comunicação online.

Participei de concursos literários gratuitos.

Estudei sobre temas diversos que me ajudaram a ter uma percepção melhor de mim e da minha carreira.

E, principalmente: venci a procrastinação!

Tive altos e baixos? Sim.

Não é fácil lidar com tantas mudanças ao mesmo tempo.

Dormi bastante, vi filmes bobos, vídeos divertidos nas redes, fiquei brava, chateada… Alguns dias não fiz absolutamente nada.

Mas escolhi usar 90% do tempo que ganhei de forma positiva.

Sim, tudo é uma escolha.

Você pode escolher passar mais 120 dias reclamando, vendo tragédia, comendo bobagem, se vitimizando. Ou pode escolher aprender algo com tudo isso, investir em você, crescer e seguir em frente.

Qual a sua escolha?

***

Nota: “O diário da Ana” está disponível para pré venda na Amazon com preço de lançamento: https://kassialuana.com/ebook

Photo by Dylan Ferreira on Unsplash

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Kássia Luana
Quem sou eu? Energia, felicidade, paz, amor e gratidão. Autora do livro "O diário da Ana".