O dente de leite do seu filho pode ajudar a ciência; entenda melhor com essa animação

Veja o vídeo e conheça o endereço da FADA DO DENTE! Demais!

REDAÇÃO CONTI outra

Sim, o dente de leite do seu filho, ou da sua filha, tem mais uma utilidade além de ser convertido em moedas pela Fada do Dente. Ele pode ser doado para a Faculdade de Odontologia da USP, em São Paulo, e servir material de estudo para pesquisas científicas que ajudam milhares de pessoas. Não é demais?

A campanha da USP, batizada como “O Endereço da Fada do Dente”, foi criada para aumentar as doações de dentes de leite para seu banco de órgãos.. A ideia é mostrar que, ao invés de deixar o dente de leite embaixo do travesseiro para a fada, jogar em cima do telhado ou até ir para o lixo, pais e filhos podem ajudar a ciência, doando o material à Universidade. Imagine quando seu filho souber disso!

“Muitas pessoas não sabem que um dente também é um órgão. Dependendo da forma que é retirado, manipulado e armazenado, pode servir até para pesquisas sobre células-tronco. Incentivar a doação de dentes extraídos para o nosso banco nos ajuda a descobrir novas maneiras de melhorar a vida das pessoas”, conta o professor José Carlos Imparato, coordenador do BioBanco de Dentes da Faculdade de Odontologia da USP.

Se você quiser doar o seu dente para a universidade, basta acessar o site www.enderecodafadadodente.com.br, preencher um formulário com nome, endereço, CEP, cidade e Estado. Os doadores receberão em casa uma carta, já selada, pronta para a doação dos dentes, além de assinarem um termo de autorização obrigatório. Sem nenhum custo. Bem fácil, não é?

E tem mais, no site, há ainda um livro de história que pode ser baixado, selos e papéis de parede com a campanha da fada do dente. A criançada vai adorar!

Confira o vídeo da campanha:

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




REDAÇÃO CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.