O caso do homem que recebeu 10 anos de prisão por maltratar seu cachorro.

Kiya foi encontrado com feridas nos olhos, múltiplas fraturas no crânio, espinha e rachadura da língua. Aquele que é capaz disso, nunca deveria ser livre novamente

Kiya teve fraturas, perfurações e até queimaduras. Mas a justiça foi feita com uma sentença histórica e seu assassino pagará.

Às vezes a justiça leva tempo e, às vezes, nunca chega. Infelizmente, nos acostumamos com o injusto, com os agressores que se afastam disso. Parece quase normal para nós.

No entanto, ainda há momentos em que recuperamos a esperança: há cinco anos, Kiya, uma pit bull, teve que ser sacrificada após ser cruelmente torturado por um homem. Este ano, seu assassino começou a cumprir sua longa sentença.

Radoslaw Czerkawski é tudo o que não queremos ser. Suas ações e o que elas representam não podem estar mais longe de nossas aspirações: um abusador e assassino de animais.

Grande impacto gerou o caso de Kiya, o cão que Czerkawski atingiu até deixá-la morrer e abandonada. Feridas por todo o corpo e rosto o fizeram pensar que ela não poderia sobreviver. E assim foi: apesar do fato de que ela logo foi encontrada e levada para um centro de ajuda, sua condição forçou os médicos a sacrificá-la.

Isso foi há cinco anos. Muito tempo, alguns vão pensar, mas a verdade é que não foi em vão: após uma investigação e os correspondentes processos judiciais, finalmente Czerkaswki foi condenado.

10 anos de prisão, outros dois anos de liberdade vigiada e a proibição de contato e posse de animais pelo resto de sua vida é o que este homem recebeu (se é assim que pode ser chamado).
A condenação foi o resultado de 12 acusações de crueldade contra animais.

Kiya foi encontrado com feridas nos olhos, múltiplas fraturas no crânio, espinha e rachadura da língua. Aquele que é capaz disso, nunca deveria ser livre novamente.

Mary Nee, presidente da Animal Rescue League (ARL), disse que a sentença recebida pelo homem é histórica e que abre as portas para endurecer as sanções e gerar uma lei adequada de proteção aos animais.

“Hoje foi um dia histórico para o bem-estar animal em Massachusetts. Com a condenação e sentença de Radoslaw Czerkawski, ele mostrou que as pessoas que cometem crueldade com os animais, e neste caso extrema crueldade, será responsável por suas ações” disse Nee.

Além disso, o homem será deportado e retornará à Polônia, seu país de origem. Lá servirá sua sentença e estará disponível para a justiça. Além disso, ainda terá que enfrentar acusações de roubar dinheiro de uma mulher idosa.

Traduzido por CONTI outra, do original de UPSOCL

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.