Uma noiva teve a ‘caminhada mais lenta da história’ ao fazer de sua tartaruga de estimação a portadora das alianças em seu casamento.

Os veterinários Ericka e Jay Johnson se conheceram enquanto faziam uma pesquisa sobre tartarugas selvagens há 20 anos, então acharam que seria uma boa ideia que sua amada tartaruga Sulcata macho, batizada como Tom Shelleck, fizesse parte da celebração de casamento.

Jay, de 41 anos, contou que muitos morangos foram espalhados pelo corredsor até o altar para que o ‘sempre faminto’ Tom seguisse sua caminhada carregando as alianças na cerimônia realizada no ano passado no Tohono Chul Botanical Gardens, no Arizona.

Segundo a noiva, tudo correu muito bem e a tartaruga acabou se tornando o ‘centro das atenções’ em seu grande dia.

As fotos capturadas mostram o réptil de 20 anos rastejando pelo corredor seguindo uma trilha de frutas enquanto carrega as alianças em uma cesta floral presa à sua concha.

“A única coisa que nos preocupava era a possibilidades de as convidadas terem pintado as unhas dos pés na cor vermelho. E se ele olhasse para os pés delas e pensasse que eram morangos? Talvez desviasse do caminho e mordesse alguns dedos dos pés, mas felizmente isso não aconteceu.”, brincou Ericka.

“Eu fiquei orgulhosa de como ele se saiu. Acho que ele foi muito bem e estamos muito felizes com a forma como tudo aconteceu.

“No dia seguinte ao casamento, várias pessoas me mandaram mensagens dizendo ‘Ei, você tem alguma foto do Tom?’”

Ericka disse que levou cerca de três minutos para que Tom chegasse ao altar – enquanto todos os outros demoraram alguns segundos.

Ainda assim, colocá-lo na direção certa foi fácil.

“Ele come principalmente feno e coisas secas assim porque ele é uma espécie adaptada ao deserto, então ele não deveria comer muitas frutas, mas como ele ama morangos, sabíamos que era uma maneira infalível de levá-lo ao altar.”

***
Redação Conti Outra, com informações de Good News Network.
Foto destacada: Reprodução.

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.