“Não há tempo para ficar triste”: influenciadora de 90 anos conquista as redes com sua mensagem positiva

Licia Fertz abriu sua conta no Instagram aos 88 anos. Já na nona década, a ex-modelo italiana se dedica a divulgar mensagens de boa vontade e felicidade.

Ana Carolina Conti Cenciani

Muitas pessoas acreditam que a juventude é essencial para vivermos, mas a verdade é que há pessoas que envelhecem graciosamente, permanecendo belas e dispostas com o passar das décadas.

O Instagram pode parecer o melhor lugar para celebrar o triunfo da juventude. Mas em mais de uma ocasião, ele também deixou espaço para pessoas que representam belezas mais alternativas brilharem e cativarem o público. Entre eles temos que destacar Licia Fertz.

Se formos rigorosos, Licia é tecnicamente uma modelo profissional. Também é italiana, um país famoso por presentear o mundo com várias de suas belezas mais adoradas. A única diferença é que os primeiros anos de sua carreira ocorreram há mais de três décadas.

Instagram @liciafertz
Instagram @liciafertz

Licia virou sensação no Instagram (já acumulou 111 mil seguidores) graças à sua beleza natural, que brilha mesmo que a passagem do tempo seja evidente em seus 90 anos. A modelo sempre dá a seus seguidores fotos cheias de luzes, céu claro ou campos de girassóis, tudo isso pensando em sua filosofia de vida:

“Quando você tem 90 anos, pensar no passado pode ser perigoso, porque a tristeza pode bater nas suas costas. Pensar no futuro também não é fácil, quando o pôr do sol está próximo do nascer do sol. O caminho para a felicidade é olhar para o presente. Feliz Ano Novo é para meninas, Feliz Ano Novo é para senhoras.”, Licia Fertz para Instagram.

Instagram @liciafertz
Instagram @liciafertz

A influenciadora de 90 anos também escreveu um livro, no qual compartilha sua história, os segredos da indústria da beleza, bem como as formas como tem lidado com sua vida.

Instagram @liciafertz
Instagram @liciafertz

Em uma de suas postagens, Licia também mostrou seu rosto jovem. É uma foto dela nos anos 70. Na melhor das hipóteses, poderia ter sido um convite a cair nos recantos mais cruéis da nostalgia. Em vez deles, Licia o usou como um lembrete de que são fases da vida. Podemos parecer melhores em um, mas sua mensagem é que, finalmente, a felicidade é carregada para dentro e não vestida do lado de fora.

Instagram @liciafertz

Com informações de UPSOCL

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES




COMENTÁRIOS




Ana Carolina Conti Cenciani
Ana, 20 anos, estudante de Artes Visuais na UNESP de Bauru. Trago aqui matérias que são boas de se ler.