Um pedido de ajuda via WhatsApp acabou livrando uma jovem de 18 anos de uma tentativa de abuso em Cubatão (SP). A vítima, que não quis se identificar, contou ao g1 que havia combinado de encontrar o namorado, também de 18 anos, porém, antes de ele chegar foi abordada pelo criminoso, que a levou à força para o banheiro do Parque Anilinas .

“O homem se aproximou falando a idade dele e perguntando se eu era comprometida. Eu disse que sim e mostrei a aliança. Ele segurou o meu braço e disse que queria ‘ficar’ comigo. Eu neguei e ele disse que ninguém ia saber”, contou ela.

Segundo o relato da jovem, mesmo negando a relação, o homem não soltou o braço dela, continuou insistindo e começou a puxa-la até chegar ao banheiro. “Aproveitei o momento em que ele estava de costas, segurando apenas um braço, e mandei mensagem para o meu namorado”.

O rapaz chegou ao parque e encontrou a namorada após ouvir os gritos dela pedindo para o agressor a soltar. “Foi nesse momento que ele [o namorado] entrou em luta corporal com o homem, que conseguiu escapar pulando o muro do parque”, disse a jovem.

Depois que o suspeito fugiu, o casal acionou a Polícia Militar e foi até a delegacia registrar um boletim de ocorrência. A PM afirmou ter sido acionada pelo namorado na vítima por volta das 20h50, porém, o criminoso não foi localizado.

Ao g1, a vítima disse estar sentindo medo de sair sozinha e demonstrou revolta pelo ocorrido. “A mulher nunca está segura em lugar algum, comprometida ou não, não respeitam”, finaliza.

***
Redação Conti Outra, com informações de g1.
Fotos: Reprodução/Arquivo Pessoal.

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.