Hillion Fern, de 75 anos, afirma que possui o ovo de Páscoa fechado mais antigo do mundo, que ainda está em perfeitas condições após 62 anos.

Ela recebeu a guloseima quando tinha 13 anos, mas não conseguiu comê-la – apesar de ser uma chocólatra confessa.

Seu pai, Aubrey Daulman, comprou o ovo em 1960 de uma loja local chamada Sharps, que o decorou com glacê amarelo em forma de narcisos.

O ovo ainda está em sua embalagem original de celofane e contém um saco de caramelos e chocolates.

Hoje aposentada, Hillion desembolsa mensalmente £ 80 (cerca de R$ 484,15 hoje) para manter o ovo de chocolate em um recipiente de armazenamento fresco para evitar que derreta.

Aubrey, que tem dois filhos adultos, quatro netos e um bisneto, disse: “Ainda me lembro do dia em que ganhei.

“Era simplesmente tão bonito que eu não queria comer. Pensei comigo mesmo: ‘Vou mantê-lo até a Festa do Divino Espírito Santo’, mas nunca comi, então pensei:’Ah, vou guardá-lo até o Natal’ e então o Natal veio e se foi. Tornou-se um desafio depois disso ver quanto tempo eu poderia aguentar.”, disse Hillion.

“Estou bastante impressionada com a minha força de vontade porque sempre amei chocolate. Havia algo especial sobre o ovo que eu queria manter e depois de um tempo tornou-se precioso demais para comer.”, completou.

A aposentada está “confiante” de que o ovo é um campeão mundial e disse que já ouviu falar de ovos de Páscoa antigos, mas nunca de um que nunca foi desembrulhado.

Ela acrescentou que pode parecer bobagem pagar para que o ovo seja armazenado, mas ela queria ter certeza de que ele ficasse em perfeitas condições.

Hillion mudou-se de Nuneaton, Warwickshire, com seu falecido marido David para Cardigan, País de Gales, em 2011.

O ovo permaneceu em Warwickshire depois que Hillion se mudou para ficar mais perto de sua filha no País de Gales, mas ela ocasionalmente visita o seu precioso ovo de páscoa.

Ela acrescentou: “Eu não poderia comê-lo agora, mesmo que quisesse, mas acabou se tornando parte da família e vou mantê-lo para sempre”.

***
Redação Conti Outra, com informações de Yahoo.
Fotos: Reprodução.

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.