Mude. Felicidade não é liberdade em condicional. Você responde por ela, só você.

Eu não sei em qual ponto das nossas vidas alguém decidiu que pra gente merecer a felicidade, precisamos passar por tantos sofrimentos. De coração, essa desculpa de aprendizado não funciona comigo.

Guilherme Moreira Jr.

Eu não sei em qual ponto das nossas vidas alguém decidiu que pra gente merecer a felicidade, precisamos passar por tantos sofrimentos. De coração, essa desculpa de aprendizado não funciona comigo.

Levar uns tombos de vida é até aceitável, a gente nem sempre tem como olhar em todas as direções. Mas daí apanhar e sofrer por causa das escolhas dos outros? Apanhar nos relacionamentos? Aguentar humilhações de pessoas que se acham acima dos nossos corações? Desculpa, eu sinceramente não engulo esses contos que disserem que é pra gente amadurecer.

Eu cheguei a conclusão que é possível sim, tanto termos maturidade quanto alcançarmos um certo grau de felicidade sem passar por tantas desgraças emocionais. Por quê? Porque sim. Ninguém tem a obrigação e a escolha de tratar o sofrimento como um caminho a ser trilhado para um bem maior lá na frente. E cá pra nós, recompensar dor com sorrisos, que caralho é isso?

Posso até concordar na existência das consequências dos nossos sentimentos e escolhas, mas na maioria das vezes a balança pende para o lado do sofrer com quem anda sempre querendo o melhor e fazendo o seu sem pisar e enganar ninguém. Não há justiça alguma nisso e muito menos conforto motivacional.

Eu digo que se tá doendo, se tá te fazendo mal, arranca do peito. Explode, desabafa, corta relação, deleta, bloqueia, dá teu jeito. Mas valorize a sua paz de espírito. Eu e você podemos e temos como sermos melhores a qualquer hora e lugar. É tudo uma questão de autenticidade e postura.

Cansei de abaixar o meu coração e sucumbir o meu corpo para interesses e pessoas que não vão agregar absolutamente nada de positivo na minha vida. O meu limite é não precisar sofrer para ser feliz. É dessa fonte que bebo a partir de agora e é com esse mantra que vou deitar todas as noites daqui por diante.

Romantizar o sofrimento, perder para dar valor, sangrar para entender, não. Chega disso. Equilíbrio emocional pode te ensinar tal sensibilidade e mais. É querer e estar disponível para, ficou claro?

Mude. Felicidade não é liberdade em condicional. Você responde por ela, só você.

Photo by EVG photos from Pexels

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Guilherme Moreira Jr.
"Cidadão do mundo com raízes no Rio de Janeiro"