Na tarde de segunda-feira (11), um garoto de nove anos se engasgou com uma tampinha de garrafa e foi salvo graças à ação rápida da sua professora de matemática. O caso aconteceu dentro da sala de aula, na East Orange Community Charter School, em Nova Jersey (EUA).

O incidente aconteceu enquanto Robert Stonaker estava tentando abrir uma garrafa de água com os dentes. Com a pressão, a tampa da garrafa entrou na garganta do menino e vedou a passagem de ar.

Robert imediatamente se levantou e foi até a professora JaNiece Jenkins. Sem conseguir falar, ele apontava para a própria garganta. Ela então percebeu ele estava sufocando e aplicou a manobra de Heimlich no aluno, colocando os braços no tórax dele e pressionando o punho para cima até o objeto ser expelido. Aliviado, Robert voltou a respirar.

Veja o vídeo do momento em que a professora salva a vida do aluno:

A professora disse à emissora de TV norte-americana News12 que não teve muito tempo para pensar quando o garoto a abordou. “Eu não raciocinei muito. Eu somente pensei ‘ele precisa da minha ajuda'”, afirmou.

“Eu comecei apontar para a minha garganta e ela percebeu. Eu não conseguia falar. Se eu conseguisse falar, eu teria dito. Não teria apontado para minha garganta”, disse Robert.

Em um post nas redes sociais, o congressista de Nova Jersey Donald Payne Jr. parabenizou o ato da professora. “Ela é uma verdadeira heroína”, disse. A escola está planejando um ato em homenagem à educadora nos próximos dias.

***
Destaques Psicologias do Brasil, com informações de UOL.
Fotos: Reprodução.

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.