Menina chora de pânico ao ver um homem branco pela primeira vez. Pensou que fosse um fantasma

A pequena Maria, que vive em Uganda, pensou que Tommy iria lhe fazer algum mal, porque ela nunca tinha visto ninguém de pele clara antes.

REDAÇÃO CONTI outra

Recentemente, um viajante compartilhou uma reação terna e impressionante de uma garotinha africana ao ver pela primeira vez uma a menina.

Também conhecido como Tommy El Forastero ou Sabbatical, dedica-se a publicar as suas digressões por diferentes países e continentes no seu canal no YouTube, onde também publicou esta experiência com a pequena ugandense.

Como pode ser visto no vídeo, quando Tommy estava percorrendo a vila com outros habitantes da cidade de Rwenzori, a garota ficou seriamente assustada ao vê-lo, pois pensou que até ele era um fantasma e iria lhge fazer algum mal.

“Um dia, em uma caminhada informal pelas montanhas Rwenzori, no oeste de Uganda, encontramos uma vila isolada que aparentemente não recebe muitos visitantes do exterior. Quer dizer, nenhum. As reações ao ver um muzungu (pessoa branca) pela primeira vez foram, bem, digamos inesperadas”, escreveu Tommy na descrição do vídeo.

Nas imagens, você pode ver como a menina, chamada María, foge dele chorando e se esconde com seus familiares. No entanto, Tommy fez o possível para mostrar a ela que não iria machucá-la e tentou se aproximar dela o mais calmamente possível.

Lentamente, ela o pegou pela mão e entendeu que não havia perigo nenhum, mas mesmo assim ficou desconfiada e preferiu ficar longe. O viajante tentou acalmá-la dizendo-lhe seu nome e agindo da maneira mais agradável possível, mas ela não tinha como confiar nele.

Dessa forma, havia apenas a opção de ir embora, como Tommy fez mais tarde. Este vídeo logo se tornou popular nas redes sociais e já conta com mais de 683.300 visualizações desde que foi publicado em 12 de junho.

**
Redação Conti Outra, com informações de UPSOCL.
Fotos: Reprodução/Youtube.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES




COMENTÁRIOS




REDAÇÃO CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.