Médica faz piada com pacientes intubados no plantão: “kakakakka mais um eu peço música”

A médica Leanara Amaro Rocha publicou nas redes sociais uma piada sobre pacientes infectados pela covid-19 que foram internados na UTI durante seu plantão. A postura da médica é alvo de investigação em Rondônia.

REDAÇÃO CONTI outra

A médica Leanara Amaro Rocha, da cidade de Guajará-Mirim, no interior de Rondônia, se envolveu em uma grande polêmica na semana passada depois de ter postado nas redes sociais uma piada sobre pacientes infectados pela covid-19 que foram internados na UTI durante seu plantão.

“Dois intubados (sic) no mesmo plantão kakakakka. Mais um eu peço música no Fantástico”, escreveu a médica nos stories do Instagram.

A atitude da médica repercutiu negativamente e a Secretaria de Saúde de Guajará-Mirim instaurou procedimento disciplinar para investigar a conduta da médica de Leanara.

Entre as muitas pessoas que criticaram a postura da médica está o Vereador do município, Rivan Eguez, que publicou no Facebook uma nota em que manifesta sua indignação.

“De imediato entrei em contato com o Plantão do Ministério Público, relatei o fato e fui orientado pela sra. Andressa, que cobrasse providências das seguintes autoridades: Diretor do Hospital Regional, sr Wistom; Secretário Municipal de Saúde sr. Rafael Ripke Tadeu Rabelo e; Prefeita sra. Raissa Paes. Solicitei tanto do diretor do hospital quanto do secretário, que tomassem as devidas providências que o caso requer”, escreveu o vereador.

Vale destacar que Guajará-Mirim é uma das cidades mais afetadas pela pandemia de coronavírus em Rondônia. O sistema de saúde do estado está em colapso devido ao aumento do número de casos, a ponto de fazer com que o poder público pedisse leitos a outros lugares. Rondônia já registrou até agora mais de 2000 mortes pela covid-19 e mais de 118 mil pessoas já testaram positivo para a doença.

O Ministério Público de Rondônia informou que oficiou a Secretaria de Saúde para que informasse eventual instauração de procedimento apuratório disciplinar. “Por enquanto, o MP aguarda posição do município”, diz o texto.

Diante das críticas, Leanara divulgou uma carta aberta endereçada à população da cidade, na qual pede desculpas pelo post.

“Peço publicamente desculpas a todos os conterrâneos, familiares, amigos de familiares, conhecidos, ao gestores desse município, meus colegas de trabalho e aos principais os meus pacientes por uma publicação não pensada, sem teor nenhum de maldade ou sentimentos ruins que foi reproduzida inúmeras e inúmeras vezes com teor totalmente diferente e discrepante do sentimento expressado naquele momento”, afirmou a médica.

“‘Rir para não chorar’. Jamais e por hipótese nenhuma comemoraria de maneira cruel sobre os péssimos desfechos da covid-19”.

***
Redação Conti Outra, com infromações de Sbt News.
Imagem de capa: Reprodução.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES




COMENTÁRIOS




REDAÇÃO CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.