É um verdadeiro milagre. Tudo começou quando Stuart não voltou para casa pela primeira vez após um passeio de barco, na sexta-feira, 27 de novembro. Ele saiu de casa por volta das quatro da tarde (16h), mas não voltou durante a noite toda. Sua família soube imediatamente que algo estranho havia acontecido. Eles alertaram a guarda costeira e as autoridades, que rapidamente iniciaram seus esforços de busca.

A princípio houve pouco alarde por parte de sua família, afinal o marinheiro não havia especificado um horário de retorno. Ele poderia estar com amigos em um bar ou em qualquer outro lugar. As horas foram passando e a preocupação se instalou definitivamente na família e na polícia.

US Coast Guard Southeast

A busca se intensificou, com a ajuda de aviões e outros artefatos, mas nada funcionou. Só na manhã de domingo que ouviram falar de Stuart, quando ele foi avistado por um navio de contêineres que estava passando perto do lugar que seu barco havia naufragado.

Após 43 horas, Stuart Bee foi encontrado. Ele estava a cerca de 140 quilômetros da costa, agarrado aos restos de seu barco. O marinheiro de 62 anos sobreviveu milagrosamente, ele teve muita sorte.

US Coast Guard Southeast

A tripulação que passou o avistou e rapidamente soube que ele estava em perigo. O experiente marinheiro tirou a camisa e começou a agitá-la, gritando e pedindo socorro.

Seu barco apresentou algum tipo de problema mecânico, segundo os especialistas, deixando Stuart sem opções e assim ele teve que passar a noite no mar. Ele estava dormindo quando percebeu que a água estava entrando em seu barco, forçando-o a se refugiar, até que ele estava praticamente pendurado em um dos destroços do que havia sobrado.

US Coast Guard Southeast

Ele teve muita sorte, mas também sabedoria. Esperamos que Stuart esteja bem e que possa aproveitar o fim de ano são e salvo com sua família!

US Coast Guard Southeast

 

Com informações de UPSOCL

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







Ana, 20 anos, estudante de Artes Visuais na UNESP de Bauru. Trago aqui matérias que são boas de se ler.