Um grupo de jogadores de futebol brasileiros atuantes na Ucrânia estava com dificuldades para deixar o país recém invadido pela Rússia. Mas, felizmente, alguns deles conseguiram desembarcar na manhã desta terça-feira (1), no Aeroporto Internacional de Guarulhos (SP).

Um deles é Pedrinho, ex-jogador do Corinthians e atual contratado do Shakhtar Donetsk, na Ucrânia, e revelou que chegar a território brasileiro foi um grande alívio. “Foram muitas noites que a gente estava lá. Eu não tentava demonstrar a tristeza para minha esposa e minha filha. Tinha que me esconder para poder chorar. É uma sensação de alivio”, conta.

Já o volante Maycon, também do Shakhtar Donetsk, foi o primeiro a desembarcar junto de sua esposa Lyarah Vojnovic e do filho pequeno. A família pegou um voo de Frankfurt depois de deixar a Romênia.

“Numa palavra não daria para definir esses últimos dias. Foi uma mistura de sentimentos, de terror, de medo. Depois uma sensação de alívio, de gratificação por poder sair e com todos bem”, afirmou o jogador que já estava há quatro anos no time ucraniano.

Lyarah Vojnovic, a esposa de Maycon, deu um relato comovente sobre sua chegada ao país. Veja:

Além deles, o lateral Dodô, ex-Coritiba, e Luciano Rosa, preparador físico brasileiro do Shakhtar, também chegaram ao Brasil.

Com informações de Catraca Livre

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.