O Hospital Nossa Senhora das Graças, de Curitiba (PR), realizou uma ação cheia de ternura e enviou energias positivas à nossa seleção, que entra em campo pela primeira vez na Copa do Mundo no Catar no dia 24 de novembro, às 16h.

Um “time” muito especial composto por bebês que nasceram prematuros vestiu a camisa canarinho, confeccionadas pela própria equipe de costura do hospital, em homenagem aos craques que representarão o Brasil na competição. Cartas com mensagens incentivadoras também foram feitas a alguns atletas:

“Os pais amaram a surpresa. Não tem preço ver o sorriso e uma lágrima de felicidade deles, vendo os bebês com as roupinhas. É um sentimento único que vale todo o esforço feito. Nesse momento eu vejo que estou no lugar certo e realizada como enfermeira, um abraço de gratidão que recebo é mais que valioso”, disse Natália Bueno, coordenadora de enfermagem da UTI Neonatal.

A ação organizada pelo hospital foi dedicada ao Dia Mundial da Prematuridade, celebrado no dia 17 de novembro.

Nem Tite, técnico da seleção, ficou de fora da brncadeira. O bebê Henrico Trevisan, que já completa um mês na UTI, vestiu um terninho que caracteriza as roupas utilizadas pelo técnico durante os jogos.

“O Tite vai comandar a Copa e o nosso Tite vai comandar a bagunça em casa”, disse Sérgio Henrique Trevisan, pai do menino, em um misto de alegria e emoção ao ver o filho homenageando o técnico da nossa seleção

***
Redação Conti Outra, com informações do RicMais.

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.