“É muito importante para mim poder terminar os estudos”, respondeu Marlon, de 11 anos, quando questionado sobre o seu futuro. Este menino de Quezon City, nas Filipinas, sabe como o trabalho é importante para ajudar em casa.

Marlon ficou conhecido por ser visto em uma avenida vendendo guirlandas de flores enquanto estudava. Com apenas 11 anos, acompanhado por seu irmão mais novo de 9 anos, Melvin, ele teve que assumir essa responsabilidade para ajudar financeiramente sua mãe, Rochelle.

Foto: Anjo Bagaoisan

A família é frequentemente vista nesta passarela ao sul da cidade, na Avenida Norte, vendendo flores depois que os filhos saem da escola.

Foto: Anjo Bagaoisan

“É muito importante para mim poder terminar os estudos”, disse Marlon em uma entrevista à mídia local. O menino revelou que sua matéria favorita é matemática porque espera que isso o ajude em uma boa carreira universitária no futuro. “Pretendo ser contador, porque mamãe me disse isso”, disse ele.

Foto: Anjo Bagaoisan

E quando questionado sobre seu emprego de vendedor na rua, ele respondeu: “Estamos ajudando a mãe. De alguma forma podemos contribuir com dinheiro”.

Apesar da pouca idade, ele entende bem as necessidades de sua casa. Marlon e sua família, geralmente voltam para casa em torno das 21h, mas há dias em que chega mais tarde.

Foto: Anjo Bagaoisan

Rochelle, por sua vez, por causa da dificuldade que têm em casa, têm que trabalhar até tarde para conseguir dinheiro. Assim, quando podem, os meninos jantam pelas ruas, quando alguém lhes oferece comida. “Não há necessidade de comprar o jantar com o que ganhamos, pois algumas pessoas optam por nos dar comida”, contou Marlon.

A história de Marlon e do irmão ganhou destaque nas redes sociais em 2016. Desde então, ele conquistou muitos fãs e, embora sua mãe saiba o quão difícil é para o menino, ela se orgulha de seus pequeninos.

Com informações de UPSOCL

 

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.