Funcionários de reserva usam traje listrado para confortar bebê zebra que perdeu a mãe

Este bebê zebra órfão podia estar sozinho no mundo, mas felizmente encontrou amigos que fazem de tudo para que ele se sinta acolhido e amado.

REDAÇÃO CONTI outra

Diria é um bebê zebra macho que foi resgatado com poucos dias de vida pelos funcionários da reserva animal Sheldrick Wildlife Trust, no Quênia. O filhote perdeu a mãe depois que ela foi atacada por uma manada de leões. O bebê só não foi abatido pelo leões também porque correu em direção a um rebanho de cabras que passeava perto dali.

Quando viram o bebê zebra entre as cabras, os pastores alimentaram o filhote com leite das cabras e o levaram até um guarda-florestal da região. Foi aí que Diria foi direcionado aos cuidados do Sheldrick Wildlife Trust, uma organização pioneira na proteção aos animais na África, atuando no Quênia há mais de 40 anos.


Como estratégia para fazer com que o filhote se sentisse acolhido e se adaptasse mais facilmente, os funcionários do lugar começaram a usar roupas que lembram a pelagem de uma zebra.

Em post no Facebook, a organização explicou a iniciativa: “os potros de zebra memorizam o padrão de listras de sua mãe e a roupa permite que Diria construa essa memória assim como faria na natureza, sem que se apegue demais a nenhum indivíduo”.

A estratégia permite possibilita que um funcionário tire férias e seja substituído sem que o animal sinta sua falta. Basta que o novo cuidador use a mesma roupa listrada que o outro usava.

“Diria é incrivelmente carinhosa com seus cuidadores e, talvez com exceção de seu leite, adora mais do que tudo se aconchegar confortavelmente neles enquanto eles o preparam”, diz o post.

Me diz , essa não é a coisa mais fofa que você viu hoje?

***
Redação CONTI outra. Com informações de Hypeness
Fotos: Sheldrick Wildlife Trust/Reprodução Facebook

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




REDAÇÃO CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.