Foto captura momento improvável de papagaio arco-íris dando um beijinho doce em um coala.

O pássaro desavergonhado se aproximou rapidamente do coala e então sem pedir licença, beijou-o com o bico e esticou a língua para lamber sua narina. A fotos são uma fofura!

Ana Carolina Conti Cenciani

O coala chamado Luther chegou ao Santuário de Vida Selvagem de Mosswood alguns meses atrás, depois que sua mãe morreu tristemente após ser atropelada por um carro em outubro do ano passado. O bebê marsupial conseguiu sobreviver sem a presença da mãe graças aos cuidados dos funcionários que lá trabalham. Por sua vez, Lorikeet, um papagaio arco-íris que foi encontrado no chão por um visitante do santuário, acabou sendo levado para lá. Ele também foi criado desde muito jovem neste lugar, tornando-se um pássaro jovem e saudável.

É neste santuário localizado em Koroit, no sudoeste de Victoria (Austrália), que as vidas desta ave e deste marsupial se cruzaram. Animais que são muito diferentes na verdade, mas que de uma forma ou de outra conseguiram se entender.


O que foi visto em um registro fotográfico capturado pelas câmeras do Mosswood Wildlife Sanctuary era o papagaio arco-íris, cheio de amor para dar, se aproximando do coala, que nunca tinha o visto antes. O pássaro desavergonhado se aproximou rapidamente de Luther, então sem pedir licença, beijou-o com o bico e esticou a língua para lamber sua narina. Um gesto de amor que aparentemente o coala não gostou, pois fechou os olhos indicando uma certa antipatia pelo seu beijo pegajoso.

Mosswood Wildlife / Facebook

“O voluntário que estava alimentando o coala e os papagaios são criaturas muito estranhas, então um deles decidiu interagir com o coala (…). Os papagaios são bastante curiosos, ele estaria seguindo o voluntário e pensado, ‘o que é essa outra criatura ? ‘ (…) Era um dia muito quente, então não acho que o coala não se daria ao trabalho de fazer nada com ele. Eu até vi um papagaio sentado na cabeça de um coala antes.”, conta Tracey Wilson , diretora do Mosswood Wildlife Sanctuary.

Mosswood Wildlife / Facebook

Nesta ocasião, o fofo papagaio arco-íris não teve sorte em sua tentativa romântica, mas com certeza terá a oportunidade de dar uns beijinhos em outros animais do santuário. Existem amores que não são correspondidos, mas pelo menos eles podem se contentar em ser amigos.

Mosswood Wildlife / Facebook

Com informações de UPSOCL

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Ana Carolina Conti Cenciani
Ana, 19 anos, estudante de Artes Visuais na UNESP de Bauru. Trago aqui notícias que são boas de se ler.