Estátua da Mafalda em Buenos Aires recebe flores após falecimento de Quino

Um dia antes do anúncio do falecimento de Quino, a personagem Mafalda, mais célebre criação do ilustrador, completou 56 anos de existência.

REDAÇÃO CONTI outra

Desde que Daniel Divinsky confirmou, nesta quarta-feira (30), o falecimento do cartunista argentino Joaquín Salvador Lavado Tejón, as redes sociais foram tomadas por homenagens vindas de todas as partes do mundo.

O desenhista, que era conhecido como Quino, ficou bastante popular após o criar a personagem Mafalda, que em tirinhas bem-humoradas fazia os leitores refletirem sobre questões políticas e filosóficas. Vista como um símbolo latino-americano e sobretudo argentino, a personagem é homenageada com uma estátua de 80 centímetros no bairro San Telmo, em Buenos Aires.

FOTO ANDRES LARROVERE / AFP/JC

Após o falecimento do cartunista, alguns fãs da sua obra têm deixado flores junto da estátua de Mafalda. Não há, afinal, lugar que melhor represente o legado cultural inestimável deixado pelo artista.

Curiosamente, um dia antes do anúncio do falecimento de Quino em decorrência de um AVC, a personagem Mafalda completou 56 anos. Ela esteve presente em quase duas mil tirinhas.

***
Redação CONTI outra. Com informações de Jornal do Comércio

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




REDAÇÃO CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.