Na última segunda-feira (11), a empresária Jessika Aldrey Germiniani, de 26 anos, teve o pulmão perfurado depois de uma sessão de acupuntura para aliviar dores no pescoço. O caso ocorreu na cidade de Sorriso, no norte de Mato Grosso. As informações são do G1.

Sentindo dores e falta de ar horas depois do procedimento, a empresária procurou um hospital e precisou ser submetida a uma cirurgia de emergência.

Jessika relatou ao G1 que chegou a sentir dor na hora da sessão, no entanto a profissional que realizou o procedimento assegurou que a dor era normal, e a liberou para ir para casa.

“Eu senti muita dor na hora, mas ela falou que fazia parte do procedimento e me liberou para ir para casa. No mesmo momento comecei a sentir dor e falta de ar. Cheguei em casa tentei deitar, mas não conseguia e a falta de ar foi aumentando”, disse ela.

Já no hospital, Jessika fez um exame de tomografia, que apontou a perfuração no pulmão. Segundo o laudo médico, a empresária está com pneumotórax, “presença de ar entre as duas camadas da pleura (membrana fina, transparente, de duas camadas que reveste os pulmões e o interior da parte torácica), resultando em colapso parcial ou total do pulmão”.

Ela ficará com um dreno no pulmão até que o ar seja extraído, e precisará ser acompanhada por um fisioterapeuta. A empresária ainda não tem previsão de alta.

***
Redação Conti Outra, com informações de Isto É.
Foto destacada: Reprodução/Instagram.

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.