Embaixada orienta italianos a deixarem o Brasil rapidamente

Segundo matéria publicada hoje, 11 de abril de 2020 em grandes portais tais como Uol, G1 e CNN , a Embaixada da Itália publicou nota hoje orientando os cidadãos e residentes italianos a deixarem o Brasil "o mais rápido possível" em função da preocupação com o número de casos do novo coronavírus em solo brasileiro.

CONTI outra

Segundo matéria publicada hoje, 11 de abril de 2020 em grandes portais tais como Uol, G1 e CNN , a Embaixada da Itália publicou nota hoje orientando os cidadãos e residentes italianos a deixarem o Brasil “o mais rápido possível” em função da preocupação com o número de casos do novo coronavírus em solo brasileiro.

“A Embaixada da Itália em Brasília convida compatriotas residentes na Itália, atualmente no Brasil por motivos de curto prazo, a voltar à Itália o mais rápido possível”, diz o texto.

Foto: Reprodução/Site da Embaixada da Itália no Brasil

A publicação oficial ainda oferece orientações sobre possibilidades de voos das companhias Lufthansa (de São Paulo a Frankfurt, na Alemanha) e Air France (do Rio de Janeiro ou São Paulo a Paris, na França) como opções até a Europa.

Não há voos especiais para repatriamento. As autoridades destacam que qualquer pessoa que chegar à Itália deve comunicar imediatamente sua chegada ao departamento de saúde da região em questão; posteriormente, deve ser submetida a vigilância sanitária e respeitar um período de isolamento por 14 dias.

Em 24 de março, os EUA também pediram para os cidadãos norte-americanos que estavam no exterior voltarem ao país por causa da pandemia do novo coronavírus.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.