Em 2 minutos o premiado curta-metragem “Sr. Indiferente” nos ensina o valor de ajudar aos outros

CONTI outra

O Sr. Indiferente é um maravilhoso curta de animação de pouco mais de 2 minutos. Foi criado e dirigido por Aryasb Feiz, que, de uma maneira muito original e divertida, nos convida a refletir sobre o valor de ajudar os outros.

Confira a animação e, depois, vamos falar sobre ela:

Sr. Indiferente: um curta sobre o valor de ajudar os outros

O Sr. Indiferente é um homem muito sério que não se importa com ninguém e sempre faz as coisas pensando apenas em si mesmo.

Entretanto, tudo isso muda quando ele está prestes a atravessar a rua em uma faixa de pedestres e, surpreendentemente, uma senhora agarra seu braço para que ele a ajude a atravessar uma rua.

Nesse momento, o Sr Indiferente foi incapaz de dizer não e, em um ritmo muito lento, ele e a senhora  atravessam a rua juntos.

De repente, um carro em alta velocidade quase passa por cima deles e é aí que tudo começa a mudar:

Mudança de atitude do Sr. Indiferente

Depois de atravessar a rua, a senhora agradece ao homem por ajudá-la e aperta seu rosto enquanto sorri com ternura. O Sr Indiferente percebe, então, que ajudar pessoas pode trazer um sentimento agradável e começa a mudar o seu comportamento.

O ápice da história acontece quando, um dia, passeando pela rua, o protagonista da história encontra um “outro homem sério e solitário” em frente à faixa de pedestres. Coloca, então, óculos de sol e pegar uma bengala, fingindo ser cego, e agarra o homem pelo braço, exatamente como a senhora fez com ele há muito tempo. Afinal, agora que ele sabe qual é a sensação, ele também quer “abrir os olhos” de outras pessoas.

MORAL DA HISTÓRIA

O curta nos faz entender que nunca é tarde para começar a ajudar os outros. Nunca é tarde para entrar no mundo do voluntariado. Nunca é tarde dar o exemplo.

Imagens: reprodução/divulgação © Hanzo FZE

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.