Crianças se emocionam com a volta de seu amigo que foi sobrevivente do furacão Dorian

O garoto pensou que Dorian era um monstro, especialmente quando viu que a porta de sua casa se abriu com tanta força , no momento em que o furacão estava por perto.

Ana Carolina Conti Cenciani

O furacão Dorian destruiu muitas coisas em seu caminho. Isso gerou um tremendo pânico nas pessoas que tiveram que viver essa situação, gerando preocupação em todo o mundo. Um desses casos que emocionou a todos foi vivido em uma escola na Flórida (Estados Unidos), onde a comunidade não tinha notícias de um de seus alunos.

O pequeno Makai Simmons, um estudante de jardim de infância em Pembroke Pines, Flórida, viajou com a mãe para as Bahamas pouco antes do furacão, com o objetivo de visitar seus avós. Uma vez lá, o furacão os pegou de surpresa e eles não puderam sair.

Quando eles queriam voltar, era tarde demais. As autoridades já haviam ordenado refúgio e nem os aviões eram usados para o transporte. Eles temiam por suas vidas, assim como seus colegas e advogados na Flórida, eles não fizeram nada além de sentir falta do pequeno Makai. Os dias se passaram e nada, a preocupação estava aumentando.

Depois que o furacão devastador passou, mãe e filho puderam retornar à Flórida a bordo de um Ferry, e ele pôde voltar às aulas. Ninguém esperava, a porta se abriu e o pequeno Makai apareceu.

A recepção dada por seus companheiros o fez chorar. Abraços e emoções inundaram a sala de aula, até a professora se emocionou. O professor pegou a câmera e gravou o momento, dizendo “Makai, sentimos sua falta “.

O vídeo se tornou viral por causa da incrível reação dos pequenos. Sua mãe entrou em cena para dar mais detalhes e explicar o que aconteceu durante sua estadia nas Bahamas.

“Assim que ele entrou, toda a turma se levantou. As crianças são realmente puras e realmente inocentes. Eu acho que é algo que nós, como adultos, realmente precisamos aprender, especialmente em momentos como esses.”

O garoto pensou que Dorian era um monstro, especialmente quando viu que a porta de sua casa se abriu com tanta força , no momento em que o furacão estava por perto.

“A certa altura, nossa porta se abriu e Makai disse ‘Oh meu Deus!’, Ele pensou que Dorian era um monstro.”

Uma cena linda e fofa que Tekara e seu filho nunca esquecerão. O amor sincero das crianças, aquele amor que Dorian não poderia esperar.

 

 

Com informações de UPSOCL

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS