Esse caso aconteceu em São Sebastião do Paraíso, em Minas Gerais. Uma criança autista ficou quase duas semanas sozinha com o corpo da mãe, depois que ela morreu. Foi a própria família da mulher que descobriu o que estava acontecendo, nesta segunda-feira (16).

Foto: Thiago Oliveira

A Polícia Civil disse que os familiares de Ana Paula, de 39 anos, estranharam o fato dela não ter dado notícias e decidiram ir até a casa. O portão estava trancado, mas foi arrombado e assim encontraram o corpo.

O filho de Ana, de apenas 6 anos, que é autista, estava na cozinha e não conseguiu explicar o que havia acontecido. Durante as quase duas semana, ele comeu o que havia na casa.

Foto meramente ilustrativa: Pixabay

A principal suspeita é que a mulher tenha morrido de infarto e que a morte tenha acontecido há quase duas semanas, devido ao estado de decomposição do corpo.

Mas, ainda de acordo com a Polícia Civil, não é possível determinar a causa da morte por enquanto. Ana Paula foi sepultada na manhã da última quarta-feira (18).

 

Com informações de G1

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.