Como os cães escolhem o seu humano preferido

Muita gente pensa que os cães escolhem seus humanos preferidos de acordo com a quantidade de comida e de tempo que cada pessoa dá ao animal. Mas a preferência dos cachorros pode ser um pouco mais complexa.

CONTI outra

Muita gente pensa que os cães escolhem seus humanos preferidos de acordo com a quantidade de comida e de tempo que cada pessoa dá ao animal. Mas a preferência dos cachorros pode ser um pouco mais complexa.

Apesar de tempo e alimentação serem bem importantes, existem vários outros fatores que podem influenciar a decisão dos cachorros sobre quem é o seu humano favorito na casa.

Um dos pontos mais importantes e que vai fazer com que o animal desenvolva laços bem fortes com o ser humano é a interação e socialização com o animal nos primeiros meses de vida ou quando ele chega em seu novo lar.

Até os seis meses de vida, os cérebros dos filhotes de cachorro são muito receptivos, então as experiências sociais que eles têm podem influenciar pelo resto de suas vidas. Por isso é tão importante nesse período que o cão tenha uma grande diversidade de interações positivas com uma grande variedade de pessoas, lugares e coisas.

Por exemplo, se durante esse período o cãozinho for criado apenas por mulheres ou tiver uma interação bem maior com humanos do sexo feminino, eles ficarão bem mais confortáveis na presença de mulheres e poderão não se dar tão bem com homens. Isso pode explicar, inclusive, o comportamento de cães que são adotados já mais velhos.

Porém, nunca é tarde para começar a socializar seu cãozinho. Quanto mais experiências eles e quanto mais pessoas eles conhecerem, será mais fácil ele se dar bem com novos humanos e fazer amigos.

Se você alimentar o cão, mas não oferecer para ele carinho e nem um tempo de qualidade para ficar com ele, o cão poderá trocá-lo facilmente por outro humano que goste de brincar e dar mais atenção para o animal. Atenção e carinho são coisas muito valorizadas pelos animais e que ajudam a estreitar os laços com seu humano.

Além disso, o cão pode associar a presença de certo humano com coisas divertidas e felizes, por isso é tão importante dar ao seu animal um tempo de qualidade. Não adianta ficar ao lado dele enquanto resolve coisas ao celular ou computador, os animais precisam de atenção. Brinque com seu cão, passeie com ele e converse. Conversar com os cachorros faz bem para eles e para os humanos.

***

Fonte: I Heart Dogs, via Portal do Dog

Photo by Oleksandr Pidvalnyi from Pexels

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.