Claudia Raia, que espera seu terceiro filho aos 55 anos, concedeu uma entrevista ao “Fantástico” deste domingo (25) e contou como conseguiu engravidar nesta fase da vida. Segundo a atriz, a gravidez já estava em seus planos há 10 anos.

“Estou com o Jarbas há quase 12 anos e há muito tempo a gente fala disso, pelo menos há uns 10 anos. Era uma vontade. Ele não é pai, nunca foi pai”, explicou Claudia. Para realizar esse sonho, o casal se submeteu a uma fertilização in vitro em um laboratório no ano passado. No entanto, não obteve o resultado esperado.

“Fiz o tratamento de cinco semanas de estrogênio, que são vários hormônios, realmente é pesado. Eu disse: eu vou tentar uma vez. Se for, ok. Se não for, eu vou entender. O que aconteceu é que os embriões não se formaram. Olhei pra Deus falei: ‘Ok, já entendi. Não era para ser'”, contou a mãe de Enzo e Sophia.

Claudia contou ainda que, após a tentativa frustrada de fertilização, havia desistido de engravidar. No entanto, ela foi surpreendida algum tempo depois com a notícia de que tinha três óvulos no ovário direito e um no esquerdo. “A médica me disse para ter cuidado para não engravidar. E rimos”, brincou.

Apesar da notícia dada pela médica, a atriz seguiu suaa vida normalmente, pois não acreditava que iria engravidar aos 55 anos. “Eu tinha desistido, fui viajar com meus filhos, pulei do barco no mar, peguei bolsa pesada, subi ladeira, pintei cabelo. Tudo normal”, contou a atriz.

Para a surpresa de Claudia, sua médica solicitou um exame de gravidez ao constatar, durante um check-up, que as taxas dela estavam todas desreguladas. “Eu falei: ‘Ela agora ficou louca mesmo’. E, no fim, eu estava grávida”, celebrou a atriz.

José Bento de Souza, que é ginecologista e obstetra de Claudia, se surpreendeu com a gravidez tardia, mas atentou que o caso da atriz é uma raríssima exceção. “É muito fora da média, não é pouco não. Ela tinha parado de ovular. Pelo menos ela estava há três anos na menopausa. Nesses anos todos de medicina e tratando de mulher com dificuldade para engravidar, uma coisa que eu aprendi é que a natureza nos surpreende”, refletiu.

***
Redação Conti Outra, com informações do Yahoo!
Fotos: Reprodução/Redes Sociais.

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.