A ciência revela os 2 principais fatores que levam a traição. Saiba mais.

Por que as pessoas traem? Pesquisadores da Universidade de Harvard olharam essa questão com cuidado e realizaram um estudo que identificou dois fatores principais que podem indicar uma tendência a infidelidade conjugal e que podem levar a separação: ser ou sentir-se atraente e estar insatisfeito com a relação atual.

A pesquisa:

As conclusões foram levantadas quando a psicóloga social Christine Ma-Kellams e sua equipe separaram dois grupos de pessoas e perceberam a conexão entre atratividade física e a duração do relacionamento amoroso.

Os pesquisadores afirmaram às pessoas do primeiro grupo que elas eram particularmente bonitas. Já, para o outro grupo, eles disseram o oposto. Depois, eles mostraram aos dois grupos fotos de pessoas fisicamente pouco atraentes e que tinham aproximadamente a mesma idade que eles. Os participantes tinham que dar uma nota para essas pessoas, de acordo com sua atratividade.

Os resultados mostraram que pessoas do “grupo bonito” deram notas maiores para as pessoas das fotos. Esse efeito aumentava em casos nos quais os estudados estavam infelizes em seu relacionamento atual. Em contraste, o grupo não atraente tendia a dar notas menores de atratividade para as pessoas nas fotos.

A pesquisa revelou que as pessoas ditas mais atraentes possuem mais tendência a traição.  Também mostrou que pessoas consideradas fisicamente atraentes, especialmente na época que se formaram na escola, tinham passado por mais términos e divórcios nos 10 a 20 anos seguintes do que os não atraentes. E concluíram que ser atraente era um dos fatores-chave para a infidelidade.

O segundo fator que levava a traição era a insatisfação com o relacionamento atual, ou seja, pessoas em relações infelizes tendem a trair mais.

A maioria vai dizer que já sabia disso, pois uma pessoa fisicamente atraente provavelmente tem mais oportunidades de ser infiel. E quando essas mesmas pessoas não estão felizes em seu relacionamento atual, não é surpresa que elas se aproveitem dessas oportunidades. Mas a questão agora é, se você tem um namorado ou namorada que é um arraso, ou que pelo menos se acha muito atraente, precisa ter um diálogo sempre aberto e nunca deixar o relacionamento cair na mesmice, e na insatisfação… senão, já sabe, né!

Editorial CONTI outra. Imagem de capa: sakkmesterke/shutterstock

COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.

COMENTÁRIOS