“Casa arrumada é uma casa triste” por Mario Sergio Cortella

Quem assistir ao vídeo entenderá que a fala de Cortella não é uma apologia a bagunça e sim um estímulo ao convívio, ao movimento e  a interação humana.

O site Provocações Filosóficas trouxe um fragmentos de vídeo, postado no dailymotion, que incorporamos aqui em nosso site e também compartilhamos com vocês.

No vídeo, Sérgio Cortella, filósofo e escritor que caiu no gosto popular,  fala sobre como a expressão humana se manifesta também a partir do movimento e até mesmo de certa desorganização. Para isso, ele usa uma metáfora de uma casa excessivamente arrumada como um lugar sem vida.

Quem assistir ao vídeo entenderá que a fala de Cortella não é uma apologia a bagunça e sim um estímulo ao convívio, ao movimento e  a interação humana.

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.