‘Carta’ de cão resgatado para dono que o abandonou faz sucesso na web: ‘Agradeço por ter me deixado’

"Oi humano (a) que me abandonou um dia...em Jundiaí SP. Gostaria de agradecer por isso, graças a você, fui adotado, engordei 15 kg, saí da desnutrição, tenho vários irmãos que eu também conhecia da rua, hoje moram comigo!”

REDAÇÃO CONTI outra

Sim, sabemos que cães não podem falar, mas se pudessem, com certeza teriam muito a dizer a nós, humanos. O cão Tobe, por exemplo, foi abandonado por seus antigos donos e provavelmente teria um longo desabafo a fazer. E foi pensando que a sua nova tutora resolveu dar voz a ele escrevendo uma carta destinada àqueles que fizeram a covardia de trair o amor que um dia ele lhes ofereceu de graça.

A “carta” de Tobe fez bastante sucesso na internet, alcançando cerca de 31 mil reações e 1,5 mil compartilhamentos dos internautas até quarta-feira (29).

Entrevistada pelo G1, a dona do animal, Juliana Romero, de 32 anos, explica que a ideia surgiu com a intenção de conscientizar as pessoas sobre a importância da adoção responsável de animais.

“Eu sempre quis fazer uma homenagem para ele, colocando ele como centro, mas homenageando também os outros. As pessoas não vêem e [os cachorros abandonados] passam despercebidos, como se fossem invisíveis”, relata Juliana.

Moradora de Jundiaí resgatou cachorro das ruas — Foto: Juliana Romero/Arquivo pessoal

“Se eu tivesse raiva pelo que fizeram, as pessoas também iam ter raiva. Fiz como se ele estivesse escrevendo, porque animal não tem mágoa. Nós, seres humanos, que temos. Cada um dá o melhor que tem e o melhor do Tobe com certeza é esse: não tem ressentimento e espera que quem o abandonou não sofra como ele”, afirma.

Com o post, Juliana também tinha a intenção de fazer uma homenagem a Tobe. Ela conta que o animal, inclusive, já a salvou de um assalto.

“Fomos feitos de refém e ele [Tobe] uivou muito naquela noite…ele nunca tinha uivado. Chamou atenção e, quando minha irmã chegou, estávamos sendo reféns na sala. Ela desceu correndo e chamou a polícia”, lembra.

‘Tobe salvou meu mundo’

De acordo com Juliana, Tobe tem aproximadamente 9 anos e, quando ela o encontrou, ele estava muito magro e tinha coleira amarrada no pescoço.

“Encontrei ele vagando nas ruas do bairro com uma coleira muito apertada. Precisei contar com outras pessoas para segurá-lo e poder tirar a coleira dele…ele era muito medroso. Ele estava pesando cinco quilos”, diz.

Cachorro abandonado é resgatado por moradora de Jundiaí — Foto: Juliana Romero/Arquivo Pessoal

Juliana tem outros cachorros em casa além de Tobe, mas diz que a chegada dele não causou problemas. “Não ficou nenhum trauma, mas demorei quase cinco meses para conseguir fazer ele abanar o rabo. Ele tinha muito medo das pessoas, deve ter sido muito maltratado na rua. Todos os meus animais são adotados.”

“Quando ele entrou na minha vida, eu já tinha depressão, mas ele me ajudou muito e ainda ajuda. Ele salvou meu mundo. Eu pensei que tinha salvo o dele, mas quem me salvou foi ele”, completa.

***

Imagem de capa: Mulher faz publicação com ‘desabafo’ de cachorro abandonado em Jundiaí — Foto: Reprodução/Facebook

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




REDAÇÃO CONTI outra
As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.