Para a família do cachorro Louie, nunca houve dúvidas de que ele é um bom menino. Mas até eles ficaram surpresos ao descobrir o quão bom menino ele realmente é.

Na verdade, agora ele está sendo chamado de herói.

Louie é um cão pastor que mora com os pais de Marolyn Diver na Nova Zelândia. Desde que ela o conhece, o doce cachorrinho sempre amou sair em pequenas aventuras pelas fazendas que cercam sua propriedade, mas seus caminhos errantes diminuíram com a idade. Aos 12 anos, com a idade já pesando, Louie parece preferir ficar mais perto de casa nos dias de hoje.

Então, quando o velho cachorro desapareceu um dia recentemente, enquanto Marolyn estava visitando a cidade, isso foi motivo de alguma preocupação.

“Minha mãe estava um pouco mal-humorada porque pensava que ele já tinha sossegado dessas escapulidas”, disse Marolyn ao The Dodo. “Estávamos preocupados que ele pudesse esquecer onde ficava sua casa.”

O que eles não sabiam na época era que Louie estava salvando uma vida.

Depois que uma tarde inteira passou sem nenhum sinal de Louie, sua família ficou aliviada a princípio ao vê-lo caminhando devagar de volta para a casa – mas então eles notaram que um bilhete havia sido preso em seu colarinho. A primeira reação de Marolyn foi alarme. Foi um aviso? Louie causou problemas ou cruzou com a pessoa errada?

“Ele parecia tão exausto e tinha basicamente desmaiado”, diz Marolyn. “Estávamos preocupados que alguém pudesse tê-lo machucado. Mas depois de ler a nota, senti um alívio completo e absoluto, então meu coração derreteu.”

Foi então que eles souberam o que seu cachorro tinha feito:

“Louie é o herói do dia”, dizia a nota. “Ele me levou a Maddy em perigo presa sob uma pilha de galhos. Saúde, Rob.”

Rob é um fazendeiro que mora a cerca de um quilômetro de distância, e Maddy é sua cachorra. Marolyn e seus pais ligaram para ele para saber mais sobre o que havia acontecido.

Acontece que Rob não conseguiu encontrar Maddy mais cedo naquele dia enquanto saía para resolver algumas coisas na cidade. Quando voltou para casa, porém, Louie estava lá, parecendo muito insistente em ser seguido. Eventualmente, Rob concordou – e com certeza, Louie o levou diretamente para uma pilha de madeira onde Maddy tinha ficado presa.

“Rob disse que tinha 100 por cento de certeza de que Louie sabia o que estava fazendo, e levar Rob até Maddy era seu único foco”, lembra Marolyn. “Assim que a encontrou, Louie ajudou Rob a desenterrá-la, puxando galhos, cavando o chão. Rob disse que no segundo em que ela ficou livre, os dois cães correram para um lago próximo e pularam exaustos e bebendo água. Ele então deu a Louie um punhado enorme de biscoitos para cães como agradecimento. Ele sabia que Louie poderia ter problemas por chegar atrasado em casa, então pensou em escrever uma pequena nota explicando sua ausência. ”

Graças a Louie, Maddy estava bem.

Infelizmente, toda a energia que Louie gastou para garantir que Maddy fosse resgatada aparentemente cobrou seu preço. Embora Louie tenha conseguido voltar para casa depois, ele agora estava em péssimo estado.

“Naquela noite, estávamos muito preocupados com Louie. Ele mal conseguia andar e estava com uma aparência péssima”, diz Marolyn. “Estávamos com medo de que ele não sobrevivesse à noite.”

Mas então ele recebeu uma visita que o animou.

“Na manhã seguinte, Rob veio em sua bicicleta com Maddy em uma pequena cesta na parte de trás”, diz Marolyn. “Louie se animou e voltou ao normal.”

Marolyn e seus pais sempre adoraram Louie, a quem resgataram de um abrigo de animais quando ele ainda era um filhote – e mais de uma década depois, seu amor por ele ainda está crescendo. Este recente ato de heroísmo é apenas o último motivo.

“Isso mudou a maneira como eu olho para ele. E acho que meus pais pensam da mesma forma”, diz Marolyn. “Estou tão orgulhosa dele.”

***
Redação Conti Outra, com informações de The Dodo.
Fotos:

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.