Cayo Rodrigues, que ficou conhecido por participar do reality show ‘Rio Shore’, da MTV, usou sua conta no Instagram nesta terça-feira (20) para revelar aos fãs a sua luta contra um câncer agressivo, identificado como Leucemia Linfoide Aguda tipo T (LLA). O cantor, de 28 anos, contou que o diagnóstico foi feito há três meses.

“Hoje, eu vou contar para vocês o que tem acontecido comigo durante esses últimos meses. Acho que a gente precisa conversar. Estou com um visual um pouco diferente, como vocês podem ver. Enfim, eu fui diagnosticado com leucemia, é uma LLA (Leucemia Linfoide Aguda tipo T), e eu descobri isso no dia 25 de junho. Antes disso, eu estava me sentindo meio mal, saía do show e estava sem energia. Eu sou um cara muito alegre e enérgico, mas estava sentindo algo diferente, falta de ar, uma dor nessa região do abdômen, na parte de cima, e eu descobri que estava com essa doença depois de ir a alguns médicos, até a gente chegar nisso”, começou ele.

Cayo diz ter sofrido bastante ao receber o diagnóstico, que aconteceu após 40 dias de internação. “Foi um baque a primeira notícia assim… Mas, graças a Deus, e com o apoio dos meus amigos, da minha família, eu consegui digerir isso, e hoje estou com um sorriso no rosto, enfrentando, superando e acreditando.”

O compositor salientou a importância da doação de sangue e medula óssea para o tratamento de câncer e outras doenças. “Quero fazer um pedido para você muito importante: seja doador. Para você que está doando, pode ser mais uma coisa legal, mas para quem está recebendo é uma nova oportunidade de viver. Então, não perca essa oportunidade de fazer a diferença na vida de alguém”, disse.

Cayo falou sobre o apoio que tem recebido da família e se disse confiante no tratamento. “Eu vou gravar um próximo vídeo explicando para vocês meus planos futuros, mas é isso. Eu estou de alma lavada e quero agradecer a você que está assistindo a esse vídeo, e gostaria que você pensasse nesse pedido que eu te faço. Um beijo para vocês todos aí!”

O artista, que reside no Rio de Janeiro, explicou como as pessoas interessadas podem se tornar doadoras. “Se você tem mais de 18 anos, seja doador de sangue e de medula óssea. Para quem mora no Rio de Janeiro é muito simples, é só você ir lá no Inca em horário comercial, fica na praça da Cruz Vermelha, no centro da cidade. Você pode ligar para eles para confirmar o horário e fazer o teste para ser um doador de medula óssea. A coleta é feita das 8h ao meio-dia. Para mais informações, ligue (21) 3207-1580”, informou.

Confira abaixo o vídeo postado por Cayo Rodrigues.

***
Redação Conti Outra, com informações do R7.
Fotos: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM.

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.