O canguru “Doodlebug” pesava cerca de 1,3 quilos quando foi encontrado na beira de uma estrada em Grafton, New South Wales, no sudeste da Austrália.

Tim Beshara e sua mãe, Gillian Abbott, foram responsáveis pelo resgate. Eles não tem certeza do motivo pelo qual o filhote foi deixado sozinho.

“Não sabemos se sua mãe veio a óbito em um acidente de carro ou em um ataque de cachorro, ou se ele simplesmente foi abandonado”, disse Tim Beshara à CBS News.

Passado algum tempo, o pequeno canguru desenvolveu uma maneira só sua de lidar com a falta da mãe. Ele buscou companhia e conforto em um ursinho de pelúcia.

“O canguru vai deitar na grama ao lado do ursinho, vai acariciar o ursinho e até mesmo praticar seus chutes contra o ursinho”, disse Beshara.

Uma foto do pequeno canguru abraçando seu ursinho de pelúcia viralizou nas redes e fez muita gente suspirar.

“Minha mãe (uma cuidadora da vida selvagem) me enviou isso. Mostrando o valor de um bom abraço, especialmente para um canguru órfão. #Wildoz”, disse Beshara.

O tweet foi compartilhado mais de 3.300 vezes e recebeu centenas de comentários.

Abbott, uma trabalhadora aposentada, passa seu tempo livre cuidando de animais órfãos ou feridos em sua pequena propriedade florestal. Foi assim que ela conheceu Doodlebug, o canguru órfão.

“Minha mãe ainda o vê quase todos os dias”, disse Tim, explicando que o animal gosta de passear pela propriedade florestal de sua mãe. “Ela está grata por esta imagem estar proporcionando alegria a tantas pessoas ao redor do mundo.”

O “mundo” também agradeceu a Abbott – e seu filho – por compartilhar o momento de alegria.

***
Redação Conti Outra, com informações de CBS News.
Fotos: Reprodução.

RECOMENDAMOS




LIVRO NOVO: FABÍOLA SIMÕES







As publicações do CONTI outra são desenvolvidas e selecionadas tendo em vista o conteúdo, a delicadeza e a simplicidade na transmissão das informações. Objetivamos a promoção de verdadeiras reflexões e o despertar de sentimentos.