Cachorrinha com bigode de Salvador Dalí vira garota-propaganda de adoção

Os responsáveis pelo abrigo disseram querer aproveitar que Dolly viralizou para estimular mais pessoas a adotarem animais.

Ana Carolina Conti Cenciani

Dolly, uma cachorrinha com pelagem que se parece com o emblemático bigode do artista plástico catalão Salvador Dalí fez sucesso nas redes sociais e sua imagem está sendo usada por um abrigo nos EUA para estimular a adoção de animais.

A cachorrinha, que apareceu no abrigo Hearts & Bones, em Dallas, Texas, foi apelidada de Salvador Dolly.

Ela, sua mãe e seus 10 irmãos arranjaram donos provisórios em Dallas e o abrigo procura casas definitivas para eles em Nova York, onde, segundo eles, há uma grande procura por adoção.

“É temporada de filhotes em Dallas agora e há sempre várias mães com ninhadas no abrigo”, explicou Allison Seelig, do abrigo Hearts & Bones Rescue ao site Bored Panda. Os voluntários do local levaram a cadela com seus 11 bebês e cuidou de todos eles por duas semanas, porém os filhotes corriam um risco muito alto de ficar doentes no ambiente de abrigo. Era preciso retirá-los de lá.

Dentro de uma semana, toda a família de 12 pessoas foi transferida do abrigo para adoção temporária, tudo graças à cooperação entre o Dallas Animal Services e o Hearts & Bones Rescue.

“Toda a família agora está relaxando em um lar confortável e seguro e recebendo cuidados médicos e monitoramento até que os filhotes tenham idade suficiente para serem desmamados”, relatou Allison, acrescentando que os filhotes atualmente têm apenas cinco semanas e ainda estão mamando. Embora atualmente todos os 12 cães estejam vivendo sob o mesmo teto em um orfanato, a organização sem fins lucrativos está planejando transferi-los para a cidade de Nova York no final de agosto para identificar os lares adotivos até que encontrem suas casas definitivas.

Os responsáveis pelo abrigo disseram querer aproveitar que Dolly viralizou para estimular mais pessoas a adotarem animais.

 

Com informações de G1 e CurtaMais

Precisa de ajuda? Conheça a nossa orientação psicológica.


COMPARTILHE

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS